.

Nacional »

Novela Sol de Inverno: resumo dos próximos episódios

Novela Sol de Inverno: resumo dos próximos episódios

novela-sol-de-inverno-sicNovela Sol de Inverno – a SIC Portugal divulgou o resumo dos próximos episódios da novela Sol de Inverno que Nuno fala ao telefone com Ana e recomenda à irmã que passeie bastante por Paris para não ficar nervosa com a proximidade da consulta. Depois de desligar, conta a Simão que ela está muito ansiosa por poder entrar no ensaio clínico que a pode fazer andar outra vez. Simão concorda que ela tem feito um grande esforço para mudar e que desde que teve o acidente nunca mais teve ataques de mau humor. Camila interrompe-lhes a conversa e conta, quase a chorar, que acabou de ter um pesadelo. Nuno permite que ela se deite um pouco na cama deles e Simão lava a filha para o quarto. Na novela Sol de Inverno, episódio de sexta-feira, 04 de julho – Episódio 225 - Margarida ouve essa parte da conversa e quando a irmã desliga mete-se com ela e insinua que deve estar interessada nele. Teresa defende-se e reafirma que são só amigos mas nem ela nem a irmã mais nova acreditam que não seja uma amizade que se possa transformar em algo mais. Matilde recusa-se a acreditar que Laura tenha manipulado os resultados dos seus exames médicos e opina perante Sofia que quem fez essa denúncia anónima deve ser alguém que não quer a reconciliação entre delas. A mãe também não quer pensar que Laura tenha feito semelhante maldade mas mantém a intenção de ir investigar a situação no próprio laboratório onde as análises foram feitas.Isabel sai de um dos compartimentos do balneário da fábrica e chora, ao mesmo tempo que coloca algo dentro da mala. Quando sai para o exterior, encontra Artur e diz-lhe que têm de falar. Ele pensa que vem a caminho mais uma discussão e responde que não está com disposição para isso. Isabel vai directa ao assunto e diz de uma vez que está grávida. Artur fica em choque, sem conseguir dizer seja o que for. Acácio entrega a Jacinto e Horácio blusões berrantes iguais ao seu, para formarem equipa no bowling. Jacinto fica a olhar-se com vaidade enquanto Horácio confere se também está elegante. Acácio põe o pino ao peito e Horácio repara que o seu nome continua incorrecto. O pai de Fátima responde que o mandou fazer assim por se tratar de um nome artístico que vai fazer furor entre as miúdas. A caminho da pista, Acácio não para de se coçar e os amigos insistem para que vá ao médico. Ele contorna o assunto e responde que como a psoríase não tem cura não há necessidade de ir gastar uma fortuna numa consulta. Jacinto e Horácio sugerem-lhe que tente tratar-se com peixes Garra-rufa, que comem as peles degradadas ou doentes, aliviando os pacientes. Acácio só percebe que tem de tomar uma atitude quando lança a bola para a primeira jogada e como tem de se coçar, falha o lançamento.Fátima conta a Lé que André ainda está dentro do buraco que escavou para aguardar o fim do mundo e comenta com a patroa que o irmão sempre foi de compreensão lenta. Ele assoma à porta e diz indignado que ouviu o que ela disse, pedindo uma caixa de fósforos, pois precisa deles para cozinhar no bunker. Entretanto, detecta o cheiro a bolo de chocolate e não descansa enquanto Fátima não lho dá a comer. Ela troça da sua teoria sobre o cometa que vai acabar com a terra, frisando que ele agora já não está preocupado e o que quer é comer. Entre risos de troça, Fátima leva o irmão para a cozinha e Lé retoma o trabalho na peça que está a criar.  Fábio e Lé surgem nesse momento e protesta contra a ditadura que Isabel impôs à gestão da fábrica. Lé sugere que a situação de que se queixam é retratada no livro O triunfo dos Porcos, explicando a Fábio, com a ajuda de Célia do que se trata. A compreensão do rapaz não alcança bem o que lhe dizem e ele acaba a chamar porca a Isabel. Célia adivinha que um dia ele ainda se vai descair e dizer o mesmo à frente da patroa, que não hesitará despedi-lo.Artur digere com grande dificuldade a notícia que Isabel acaba de lhe dar, de que está grávida de um filho seu e pergunta-lhe o que tenciona fazer. Ela fica indignada com a pergunta e responde com irritação que vai ter a criança. Num tom receoso pergunta se ele não quer mas Artur, ainda que com cara de caso, afirma peremptoriamente que jamais a deixaria só numa circunstância destas. Isabel ganha um sorriso de felicidade e abraça-o muito emocionada. Artur, por seu lado, está apavorado com a situação.Vasco vai jantar com Ana e Bruno a casa da avó Rosa e mostra-se ansioso com a viagem que a mãe vai fazer a França na expectativa de poder fazer um tratamento inovador que lhe permita voltar a andar. Ana contraria o optimismo da mãe e explica ao filho de que, se voltar a andar, nunca será uma situação que se verifique rapidamente, tratando-se de um trabalho longo e paciente. Vasco fica um pouco desiludido mas anima-se quando a mãe confirma que lhe trará um presente. Margarida acha que a irmã tem de se distrair para esquecer a desilusão amorosa que teve com Vicente. Laura esboça um sorriso e lembra que no dia seguinte vão ter a companhia de Clara. Margarida reconhece que está cheia de saudades da menina. Salvador lembra a Matilde que Clara vai passar o dia com Laura mas a mulher surpreende ao dizer que já não vai ser necessário, pois falou com Mariano e vai apenas fazer uma visita à livraria e não recomeçar a trabalhar como inicialmente pensava. Salvador não gosta daquela resposta e aproxima-se de Matilde perguntando-lhe porque é que está mais uma vez a adiar o regresso ao trabalho. Ela disfarça o incómodo que a conversa lhe está a provocar e diz que não fazia sentido recomeçar a meio da semana. Salvador sugere-lhe que pelo menos faça uma visita a Laura para que a mãe veja a neta, pois falou nela o dia todo. Matilde fica encurralada e acaba por ceder e prometer que vai combinar tudo com ela. Salvador sorri e afirma que a mãe e Margarida vão gostar de que elas as visitem.Sofia explica a Beatriz as suas razões para apurar se Laura falsificou ou não os exames médicos de Matilde, preferindo agir com discrição, pois não quer alimentar qualquer conflito se não houver motivo para tal. Beatriz lamenta que a paz entre elas esteja novamente a ser perturbada e diz que vai escrever no seu blogue, o que não faz há muito tempo. Sofia pergunta-lhe se ela nunca mais teve notícias de Mariano e a irmã responde que não e ainda bem, pois agora sabe que ele não ia acrescentar fosse o que fosse à sua vida. Sofia percebe que Beatriz ainda está muito magoada com Mariano.Jacinto e Horácio regressam a casa, vestidos com os casacos que Acácio lhes entregou para fazerem equipa no bowling. Horácio faz notar que muita gente olhou para eles assim vestidos e Jacinto dispara que estão com inveja, deslumbrados com as suas jogadas. Horácio sugere que joguem às cartas ao serão mas o amigo quer ir dançar. Ele insiste que não quer sair de casa porque no dia seguinte quer ir despedir-se de Ana que vai consulta-se em França e reconhece que não quer ir a casa de Rosa para não a ver com Adelino. Jacinto compreende as razões de Horácio e faz-lhe a vontade, oferecendo-se até para confeccionar o jantar. Horácio agradece mas o jardineiro responde que a loiça vai ser para ele lavar. Mariano vai buscar um copo de água à cozinha e fica demasiado próximo de Fátima. O momento é aproveitado para que cada um se certifique que o outro não contou a alguém que se envolveram, embora ambos mintam sobre o assunto. Mariano ainda diz que se o mundo acabar como André antecipou, não terão com que se preocupar. Fátima sorri e afirma que quando o irmão acertar nalguma coisa, aí sim, o mundo acaba. André procura no computador uma explicação para o mundo não ter acabado e Acácio dispara que o fim do mundo está é no seu corpo que continua a dar-lhe uma comichão desesperante. Lé aparece com um livro na mão e convence Acácio a marcar consulta num homeopata que ela conhece. Ele confessa que só está a fazer isto porque é ela a pedir, olhando-a com ar de desejo. Lé não se apercebe das intenções do pai de Fátima. Tomás cruza-se com Lúcia no corredor de acesso aos quartos do palacete e começa a beijá-la. Ela reage com medo de serem apanhados, principalmente pelos seus filhos. Tomás não se conforma por estarem a namorar às escondidas e convence Lúcia a contarem a verdade a Matias e a Violeta. Benedita fica em estado de choque depois de Isabel lhe contar que está grávida e pergunta à irmã se está mesmo convencida de que ter um filho de e com Artur é a decisão mais acertada. Isabel afirma que ele foi carinhoso e que disse logo que ia ficar ao seu lado, para além de que sente que esta gravidez é um sinal de que a vida está a dar-lhe outra oportunidade de poder ser boa mãe desta vez. Benedita assegura que também lhe dará todo o apoio mas fica muito preocupada com a irmã. Beatriz faz ver a Sofia que talvez não seja boa ideia persistir em dar ouvidos a quem lhe ligou a dizer que Laura usou Matilde para se reaproximar dela. A irmã reafirma que não pode fechar os olhos a uma informação dessas, apesar de estar a viver uma excelente fase pessoal e profissional. Nesse momento recebe mais uma chamada anónima e conclui que se trata da pessoa que denunciou Laura numa chamada anterior, embora desconheça ainda que se trata de Andreia. Esta marca um encontro imediato, argumentando que tem provas para lhe apresentar.Laura conta a Margarida que Clarinha já não vai passar o dia com elas porque Matilde já não necessita de ir para a livraria e disse que levaria a menina durante a tarde para fazer uma visita. Margarida convida a mãe para um passeio a cavalo e pergunta o que ela acha se ela voltar a trabalhar com Alice na loja de cosmética. Laura aprova a ideia mas insiste com a filha para continuar a procurar um curso para fazer. Margarida assegura que ainda não escolheu um porque não encontrou algo que lhe apeteça mesmo fazer e vai buscar Teresa para tomar o pequeno-almoço. Ana despede-se de Vasco antes de ir para o aeroporto com Bruno. O filho sorri abertamente, convencido de que ela vai voltar a andar. Ana readquire alguma confiança e Rosa emociona-se com o carinho entre a filha e o neto.Artur ganha coragem e conta a Lurdes que vai ser pai de um filho de Isabel. A mãe fica em estado de choque e pergunta-lhe olhos nos olhos e quase a gritar se ele quer mesmo aquele filho de uma mulher que já é avó. Artur não consegue responder e Lurdes desata a chorar e não permite que ele a agarre quando sai bruscamente em direcção aos balneários. Assim que entra esbarra em Isabel que está a sair de um dos compartimentos. Lurdes acusa Isabel de ter engravidado de propósito para prender Artur. Isabel enfrenta-a e, depois de se defender do seu ataque, deixa claro que as coisas não vão mudar e que nem ela nem Artur precisam da sua autorização para serem pais. Lurdes fica mergulhada numa profunda tristeza, enquanto Isabel deixa o balneário. Laura desfruta da presença de Clara e confessa que se espanta sempre com o crescimento das crianças. Matilde está constrangida mas tenta disfarçar, principalmente quando a sogra revela a intenção de juntar a família toda num jantar vou num almoço. Margarida também não faz por menos e sugere até que passem as próximas férias juntos. Matilde desculpa-se para não almoçar com um compromisso que já tinha marcado com Concha. Nas despedidas, Laura confessa que está muito feliz por ter voltado a trabalhar com Sofia, ignorando que ela está a tentar confirmar se ela falsificou os exames médicos de Matilde.Na Boheme, Simão revela-se entusiasmado por trabalhar com Sofia, elogiando o facto de ela desenhar a uma velocidade quase impossível de acompanhar. Teresa deseja que não existam mais ressentimentos, depois dos desentendimentos entre Sofia e Laura. Simão não encontra motivos para que isso aconteça. Sofia espera numa esplanada pela pessoa que marcou encontro consigo, dizendo que tem provas irrefutáveis de que Laura manipulou os resultados dos exames médicos de Matilde. Fica surpreendida quando Andreia se revela e levanta-se disposta a não ouvir o que ela tem para dizer. No entanto, fica indecisa quando ela lhe mostra o gravador onde diz estar a conversa que Laura teve com a pessoa a quem encomendou o serviço, perguntando quanto é que Sofia está disposta a pagar para saber a verdade. Andreia conta que Laura pagou à diretora do laboratório a falsificação dos primeiros exames de Matilde para depois aparecer como sua protetora. Sofia cede e passa um cheque a Andreia, comprando-lhe a gravação que serve de prova contra Laura. Andreia afirma que é uma sobrevivente e que se tiver de prejudicar Laura para se dar bem na vida não hesitará.Ricardo confessa a Beatriz que não está a ser fácil renunciar ao vício do jogo mas assegura que não quer voltar a desiludir Sofia, reconhecendo que tem muita sorte por tê-la a seu lado.Manel conta a Mariano que recebeu uma proposta de trabalho para dar aulas numa universidade mas, ao mesmo tempo, assegura que não tenciona deixar a livraria no imediato, pelo menos até ao regresso de Matilde. Entretanto repara que Mariano está a pesquisar no computador material de musculação e ele diz que está a pensar comprar alguns aparelhos. No entanto retrai-se ao perceber que o material custa muito caro.  Beatriz nem quer acreditar que Laura fez Matilde pensar que tinha cancro para que depois se sentissem todos em dívida para com ela, por ter apoiado a rapariga. Sofia acusa uma imensa desilusão e diz à irmã que vai falar com a diretora do laboratório onde as análises da filha foram feitas. Beatriz recomenda-lhe que tenha cuidado mas Sofia afirma, irritada, que é Laura quem tem de ter cuidado.Andreia informa Morais de que o plano que engendraram resultou e que Sofia pagou para obter as provas que arranjaram contra Laura. O detetive manda-a levantar o dinheiro do cheque e combina encontrarem-se mais tarde, pois têm muito para festejar.

Novela Sol de Inverno SIC Portugal: resumo dos próximos episódios

Notícias
Novela Sol de Inverno – Laura tenta fugir do hospício
Novela Sol de Inverno – Matilde será presa
Novela Sol de Inverno – Lua de mel em Cabo Verde
Novela Sol de Inverno – Eduardo não morreu
Novela Sol de Inverno – Sofia terá problemas de saúde
Novela Sol de Inverno – Fátima vai conhecer seu pai

Comente esta novela no final da página

Na novela Sol de Inverno, episódio de segunda-feira, 07 de julho – Episódio 226 - Salvador confessa a Tomás que o aparecimento súbito de João Maria veio desestabilizar a sua convivência com Matilde. O amigo lembra-lhe que quando Clara sofreu o acidente com a tampa da caneta ele também ficou com a ideia de que Matilde deixou de confiar nele e aconselha-o a falar com ela, pois é a conversar que os problemas se resolvem.André mostra-se desiludido porque o mundo não acabou e afirma que os cientistas estão a refazer os cálculos para determinarem quando é que o apocalipse vai ocorre. Fátima irrita-se com o irmão e manda-o arranjar um trabalho para deixar de pensar em disparates, insinuando que ele nunca fez nada na vida. Lé aconselha-o a fazer o que a irmã diz e André fica a pensar no assunto, sentindo-se melindrado com as palavras de Fátima. Dulce aconselha Isabel e faz-lhe ver que dar uma criança ao mundo é um ato de grande responsabilidade. A afilhada assegura que está bem consciente disso e que ao dar à luz vai poder ser mãe, o que não conseguiu com Salvador. Dulce questiona se Artur, por ser tão novo, estará preparado para ser pai. Isabel afiança que estão ambos muito felizes e a madrinha recomenda-lhe que acabe com os conflitos na fábrica, para que a sua gravidez não sofra perturbações. Isabel concorda que vai ter uma gravidez de risco e concorda que as coisas na fábrica vão ter de mudar, revelando que tem pensado bastante no assunto. Dulce pergunta-lhe se Artur sabe que ela é mãe de Salvador e perante a sua negativa, afirma que ela tem de lhe contar a verdade. Isabel reconhece que vai ter de conversar com Artur, contando-lhe toda a verdade sobre a sua vida. Fábio abraça Artur com emoção e dá-lhe os parabéns por ser o pai do filho que Isabel espera. O amigo força um sorriso revelador do pânico que sente. Fábio aproveita para lhe pedir que dê uma palavrinha a Isabel para que lhe conceda uma promoção mas ele corta a conversa e diz que não se mete nesses assuntos. Lurdes regressa às máquinas e troca um olhar magoado e de censura com Artur. Fábio conclui que ela não gostou nada do facto de ele vir a ser pai de um filho de Isabel e Artur fica devastado com a atitude da mãe. A caminho do seu posto de trabalho, Célia passa por Horácio e diz que ele está cada vez mais jovem. O encarregado da fábrica assume que se foi abaixo quando se separou de Rosa mas que contornou a situação e que tem passado dias bastante divertidos com Jacinto, consciente que tem de aproveitar o resto da vida. Célia antecipa que ele até pode arranjar uma namorada e Horácio sorri, não negando que isso possa vir a acontecer. Gonçalo recebe o prémio de criatividade do júri pela sua participação no concurso de gastronomia. Lúcia fica radiante mas ele mostra-se desiludido, porque desejava ganhar o primeiro prémio. Ela faz-lhe ver que ainda nem sequer é profissional e que se bateu com cozinheiros muito mais experientes. Gonçalo fica muito mais animado e começa a planear criar novos pratos, mais sofisticados para ganhar outro tipo de clientela. Lúcia trava-lhe o entusiasmo e afirma que não quer perder os clientes mais jovens, que são na maioria surfistas. Ele percebe que é ela quem manda e propõe melhorar a oferta para esse tipo de público. Muito bem-dispostos, entretêm-se a pendurar no bar a placa do prémio que ganharam.  Sofia obriga a diretora do laboratório a confessar que falsificou os exames médicos de Matilde, ameaçando acabar-lhe com a carreira e levá-la a tribunal. A mulher conta que se deixou seduzir pelo dinheiro, justificando que na altura atravessava grandes problemas financeiros e que por isso cedeu à tentação de aceitar o dinheiro que um homem lhe ofereceu. A conversa é interrompida porque Sofia recebe uma chamada de Laura, rejeitando-a de imediato.Laura estranha que Sofia lhe rejeite a chamada mas Margarida calcula que ela esteja ocupada. A mãe conta que queria combinar um jantar, pois tem saudades das festas que davam quando eram as melhores amigas. Margarida é tocada pelas saudades que sente do pai e fica com os olhos cheios de lágrimas. Laura abraça-a e margarida tranquiliza-a afirmando que não está deprimida. Alice faz-lhe uma visita e as duas seguem para a cozinha com a amiga a pedir-lhe que não mostre o bolo que Marisa fez, pois com a chegada do verão tem de cortar nos doces. Margarida conta que já falou com a gerente da loja de cosmética e mostra-se desejosa de recomeçar a trabalhar, pois assim não pensa no que não deve. Alice oferece-se para a ouvir desabafar quando precisar mas a amiga confessa que há assuntos de que não consegue falar, especialmente do pai. Lúcia e Tomás perguntam a Violeta e Matias se encarariam bem se eles namorassem. Matias responde que mesmo que se importasse com isso não iria alterar nada e Violeta, ao perguntar como é que as coisas ficam com o pai, deixa Lúcia perplexa. No entanto, Ela explica à filha que já está separada do pai há muito tempo e que ele agora até está noutro País. Violeta confessa que gosta de Tomás e que aprova o namoro da mãe. Matias também não se opõe e pede para ir fazer surf. Tomás pede para o acompanhar e diz a Lúcia que vai falar com ele. Lúcia fica algo apreensiva, uma vez que a conversa não correu como esperava. Acácio conversa com Lé depois de regressar do homeopata e consegue arrancar-lhe sorrisos ao descrever a forma bizarra como ele estava vestido. À medida que a conversa avança, Acácio sente-se cada vez mais atraído por Lé, que não percebe os sentimentos que está a despertar no pai de Fátima. Concha conversa com Matilde e confessa sentir algum receio de se estar a apegar demasiado a Gonçalo. A amiga desvaloriza e diz que não tarda nada, terá também um bebé e depois poderão fazer programas de mães. Concha responde que ainda é cedo para pensar em ser mãe. Sofia vai a casa de Matilde e Conche aproveita para se despedir, justificando que tem muitas coisas para fazer. A só com a filha, Sofia conta que já confirmou que Laura pagou para falsificarem os exames médicos para conseguir que se reaproximarem. Matilde fica em choque e teme a reação que Salvador possa ter quando souber o que a mãe fez. Sofia diz-lhe que não se preocupe, assegurando que já tem tudo planeado para que Laura não se fique a rir. Teresa regressa a casa e Laura inteira-se de como está o trabalho na empresa, elogiando depois a capacidade da filha, confessando que está descansada por ser ela a substitui-la quando não está. Teresa pergunta á mãe se teve alguma notícia de Eduardo e ela responde que não, acreditando que esteja onde estivar, estará bem.Lurdes desabafa com Rosa, inconformada com a relação de Artur com Isabel, agora que esperam um filho. A amiga tenta confortá-la, mas em vão. Lurdes acusa Isabel de ter engravidado de propósito para prender Artur e está certa que daqui a uns anos o filho vai separar-se, pois não resistirá aos encantos de uma mulher mais nova.Sofia vai a casa de Laura e irrompe pela biblioteca. Sem dar margem de manobra para que ela reaja, Sofia decreta o fim da parceria da Mood com a Boheme, revelando que já sabe que ela mandou falsificar os exames de Matilde, para se reaproximar dela. Laura tenta disfarçar o nervosismo e tenta negar as evidências. Sofia lamenta que ela não tenha desaparecido de vez, pois parece ser a única solução para que deixe de fazer mal aos outros. Sofia vai embora furiosa e Laura fica em choque por ter sido descoberta. Sofia vira costas a Laura mas ela detém-na tentando convencê-la de que alguém pagou à directora do laboratório para a incriminar da falsificação dos exames de Matilde. Sofia riposta que ela está a insultar a sua inteligência e, de lágrimas nos olhos, afiança que esta foi a última vez que ela a enganou. Laura apela ao bom senso de Sofia e contrapõe que não podem agora desistir do lançamento conjunto da nova colecção de sapatos, pois isso constituirá um escândalo. Sofia dispara que ao contrário dela, não vive de aparências e se está nas tintas para as revistas. Sofia bate a porta da biblioteca e Laura fica furiosa por ela ter descoberto o seu plano. Quando Salvador chega a casa, Matilde tem dificuldade em esconder as razões da sua preocupação, por saber que a mãe dele mandou falsificar os seus exames médicos levando-a a pensar que tinha cancro. Salvador percebe que algo se passa mas Matilde responde que está apenas mais nervosa por estar em casa, fazendo com que ele acredite no que ela diz. Laura mente a Teresa sobre as razões que levaram Sofia a cancelar o lançamento conjunto da colecção de sapatos, afirmando que não compreende porque é que ela está de bem com elas nuns momentos e noutros não. Teresa estranha a atitude de Sofia mas fica sobretudo preocupada com as consequências que podem advir para a Mood e a Boheme. Manel brinca com Gonçalo e diz que qualquer dia ainda ganha uma estrela Michelin, aludindo ao prémio que recebeu no concurso de gastronomia. O primo assume que tem ambições elevadas e que até está a colocar a hipótese de ir para Londres no final do ano lectivo. Porém, reconhece que não será fácil tomar essa decisão, a menos que Concha aceitasse ir com ele. Manel aconselha-o a falar com a namorada antes que ela perceba o seu desejo e pense que se quer ver livre dela. Gonçalo fica a pensar no que ouve. Fábio descai-se a conversar com Concha e menciona o facto de Isabel estar grávida de um filho de Artur. Concha que está a ler um livro ao pé deles fica abalada com a novidade, enquanto Célia critica Fábio por não saber estar calado, tentando ao mesmo tempo minimizar o estrago que ele fez. Concha reconhece que mais tarde ou mais cedo iria saber que o ex-namorado vai ser pai e Fábio volta a provocar a ira de Célia quando dispara que Artur é que teve juízo ao agarrar-se a uma mulher cheia de dinheiro como Isabel, classificando-o como um génio por ter conseguido engravidá-la. Jacinto dá os parabéns a Artur quando este lhe anuncia que vai ser pai. No entanto, o filho acaba por confessar que está em pânico com a situação, sentindo que tudo está a correr depressa demais. Jacinto tenta animá-lo e refere que vai acabar por se habituar a essa nova fase da vida. Artur conta que Lurdes não aceitou bem a notícia e o pai recomenda-lhe que dê tempo à mãe, pois ela tem bom coração. Rosa vem da cozinha e encontra Adelino a ressonar tanto que até assobia. Depois de o despertar, conta-lhe que já marcou a consulta para ele no médico de família. Ele dá-lhe um beijo e Rosa conta que durante a hora que ele esteve a dormir, falou com Ana e confessa estar mais preocupada do que ela com a consulta que vai ter em Paris. Rosa mostra grande esperança em que a filha volte a andar e Adelino tenta não lhe cortar as boas expectativas que tem e revela também ele as suas preocupações, agora pelo facto de Sofia se ter reconciliado com Laura, esperando que não se voltem a desentender. Nuno fala ao telefone com Ana e recomenda à irmã que passeie bastante por Paris para não ficar nervosa com a proximidade da consulta. Depois de desligar, conta a Simão que ela está muito ansiosa por poder entrar no ensaio clínico que a pode fazer andar outra vez. Simão concorda que ela tem feito um grande esforço para mudar e que desde que teve o acidente nunca mais teve ataques de mau humor. Camila interrompe-lhes a conversa e conta, quase a chorar, que acabou de ter um pesadelo. Nuno permite que ela se deite um pouco na cama deles e Simão lava a filha para o quarto.

Fonte: Sol de Inverno, novela da SIC – resumo dos próximos episódios

Vem por aí nos próximos episódios da novela Sol de Inverno – Sofia fala com Ricardo e Beatriz sobre a traição de Laura e o namorado mostra-se chocado com a situação, perguntando como é que ela tenciona desvincular-se da parceria que tinha contratualizado com ela. Sofia afirma que já tem uma reunião marcada com os seus advogados para tratarem do problema, assegurando que a nova colecção jamais chegará às lojas. Margarida vê com Teresa um álbum fotográfico de família e reconhece que continua com grandes dificuldades em lidar com a morte do pai, confirmando que Francisco a considerava a filha preferida. Teresa recomenda à irmã que converse sobre o assunto com o psicólogo. Laura telefona a Morais e diz que precisa dos seus serviços, adiantando somente que o assunto tem a ver com Sofia. O detective desliga a chamada e conta a Andreia que Laura está completamente desesperada. Andreia avança que agora têm de convencer Sofia a pagar mais para ter os outros segredos. Salvador fica irritado com Matilde por ela não se abrir consigo e não dizer o que é que a atormenta. Para demonstrar o seu desagrado agarra no casaco e diz que vai dar uma volta. Ela fica à beira das lágrimas. Laura pede a Morais que descubra quem a denunciou a Sofia e lhe permitiu falar com a directora do laboratório que falsificou os exames de Matilde. O detective finge-se inocente no caso e dispõe-se a tratar do assunto. Matilde conta a Sofia que ela e Salvador se chatearam porque não teve coragem de lhe contar o que Laura lhe fez, ao mandar falsificar os resultados dos seus exames médicos. Matilde explica à mãe que ele percebeu o seu mau estar e interpretou que pode dever-se a algo que ele fez, o que não corresponde à realidade Sofia diz perceber agora que Laura não se tornou no que é por causa de Francisco, mas porque sempre foi assim. Concha assegura a Lé que já digeriu o facto de Artur ir ser pai e que está muito bem com Gonçalo. Lé sorri aliviada para a filha e afirma que ela é muito parecida consigo. Concha confessa que em tempos até achou que isso era mau, mas que agora não é assim tão mau. Lé e Concha riem com grande cumplicidade. Salvador desabafa com Tomás e conta que Matilde pouco fala com ele, insistindo em dizer que está tudo bem quando ele sabe perfeitamente que não é assim. O amigo avança a possibilidade de ela estar com uma depressão pós-parto mas Salvador não concorda. Laura oferece-se para acompanhar Margarida ao psicólogo mas a filha diz que prefere ir sozinha e aproveita para lhe pedir desculpa pelas muitas discussões que provocou entre as duas. Durante a consulta, o psicólogo que acompanha Margarida fica muito apreensivo quando ela revela a chorar que amava o pai não como uma filha, mas como mulher, confessando que ele era o seu amor. Horácio dá um abraço de parabéns a Isabel pela gravidez e aconselha-a a não se enervar por tudo e por nada na fábrica por causa do bebé. Ela confidencia que se verificar que está a ter mais aborrecimentos do que benefícios se desfaz do negócio. Horácio fica apreensivo mas promete guardar segredo. Lurdes diz mal de Isabel e Artur aproxima-se dela dizendo-lhe baixinho para parar com aquele discurso inflamado porque está a exceder-se. Lurdes fica ainda mais irritada e deseja-lhe felicidades ao lado da mulher que conseguiu separá-los. A mãe vai embora furiosa e ele fica envergonhado perante o olhar crítico das outras funcionárias. Sofia conta a Ricardo e Beatriz que vai conseguir libertar a Mood da parceria com a Boheme, depois de se ter aconselhado com os advogados que lhe garantiram que não será penalizada por isso. Sofia interroga-se como foi capaz de acreditar na conversa de Laura e confessa que a sua grande preocupação é agora Matilde e Salvador. Simão também fica incrédulo quando Teresa lhe conta que Sofia decidiu quebrar a parceria com a Boheme, mas a irmã assume que não acreditou na explicação que a mãe lhe deu para o sucedido e diz que vai tentar falar com Sofia para saber o que realmente se passou. Margarida isola-se na biblioteca de casa e vê fotografias de Francisco, chorando e pedindo desculpa ao pai. O psicólogo que está a tratar de Margarida chama Laura para conversar com ela e revela-lhe que a filha assumiu que tinha com o pai uma relação incestuosa. O médico concretiza ainda mais claramente o que Margarida lhe contou e deixa Laura em estado de choque, dizendo que Francisco começou a abusar da filha quando ela tinha dez anos. Laura começa a sentir-se mal e as lágrimas percorrem-lhe o rosto e penaliza-se por nunca ter percebido que o marido abusava a filha mais nova. O psicólogo afirma que a única forma de lidar com o problema é prosseguir o tratamento e reconhece que têm um caminho longo para percorrerem. Na quinta, Margarida cavalga muito perturbada e repentinamente começa a chorar, ordenando mais velocidade ao cavalo, gritando desesperada. (conclusão)

——

Laura recebe a notícia de que Margarida sofreu abusos sexuais impostos pelo pai e culpabiliza-se por não ter percebido a tragédia que se desenrolava mesmo debaixo do seu teto. O psicólogo afirma que a única forma de lidar com o problema é continuar a terapia com Margarida. Teresa procura Sofia para saber o que se passou para ela cancelar a parceria entre a Mood e a Boheme. Sofia afirma que Laura deu mais uma prova de que não é de confiança e acrescenta que deve ser ela a contar o que se passou. Laura regressa a casa, ainda agoniada depois de ter conversado com o psicólogo de Margarida. Marisa conta que ela está na biblioteca a ler e Laura precipita-se ao encontro da filha. Sem rodeios, conta que esteve a falar com o médico e pede desculpa por não ter percebido que o pai abusava dela. Margarida está cabisbaixa e não consegue disfarçar a vergonha que sente. Teresa conta a Simão a conversa que teve com Sofia e que ela preferiu que seja Laura a contar o que se passou para que tenha acabado com a parceria que tinham. Simão acha que Sofia está com a mania da perseguição mas Teresa diz que a história está mal contada e assegura que vai falar com a mãe. Nuno e Camila surpreendem Simão e vão ter com ele à Boheme para o convidarem para jantar fora. Ele fica feliz com a iniciativa da filha e do companheiro. Rosa conversa ao telefone com Ana e anima a filha para a consulta que ela vai ter nesse mesmo dia em Paris. Depois de desligar, Rosa comenta com Adelino que também eles deviam ir a Paris mas ele diz que preferia ir à Madeira. Aproveitando a disposição dele, Rosa vai buscar um catálogo com vários cruzeiros que podem fazer. Adelino conta que tem um almoço de amigos e ela fica um pouco desapontada por não poder acompanhá-lo, uma vez que é só para homens. Como compensação, Rosa contrapõe que vai marcar uma viagem e ele aceita a sua decisão com algum entusiasmo. Mariano faz exercícios no ginásio de forma atabalhoada e é salvo por Acácio quando está quase vencido por uma barra de pesos que está a levantar. O pai de Fátima conta que também vai passar a treinar, a conselho do homeopata. Andreia passa por eles e Acácio devora-a com o olhar. Ela não gosta e pergunta se precisam de algo. Mariano intervém, impedindo Acácio de agravar a situação. Laura procura Sofia e diz-lhe que precisa de falar com ela sobre um assunto que envolveu Francisco, confessando estar a viver o pior dia da sua vida. Sofia não se comove e manda-a embora, atirando-lhe à cara que é a responsável por todo o mal que tem sofrido. Laura não adianta mais nada sobre o assunto que a levou ali mas insiste que a coleção de sapatos deveria ser lançada e suplica pela sua amizade. Sofia não transige e Laura vai embora destroçada a dizer que gosta muito dela. Morais vai ter com Andreia ao ginásio e conta-lhe que Laura o contratou para descobrir como é que Sofia soube do suborno ao laboratório. O detetive assegura que a empresária não sonha que eles estão por trás de tudo e revela que vai acusar a médica de ter contado toda a verdade a Sofia. Andreia repisa que têm de lhe arrancar mais dinheiro e Morais alerta para o facto de não poderem dar-lhe todas as informações que têm ao mesmo tempo. Isabel comunica com pesar ás gaspeadeiras da fábrica que a coleção da Mood e da Boheme já não vai para a frente e Lurdes, sem se comover, dispara que assim é melhor, pois os novos funcionários ainda não têm formação e por isso a produção cairiam toda em cima delas. Isabel opta por não promover mais discussões e dá ordem para que voltem ao trabalho. Horácio segue Isabel e esforça-se por lhe dar algum conforto. Artur aparece entretanto e o encarregado deixa-os a sós. Artur percebe que Isabel está muito fragilizada e ela confessa a sua insegurança ao perguntar-lhe se ele também acha que ela lhe está a destruir a vida, já que é isso que a mãe dele pensa. Artur desvaloriza a embirração de Lurdes e aceita jantar com Isabel para conversarem melhor sobre a sua gravidez. Mariano tenta arrumar um livro que cai de uma das prateleiras da livraria mas não consegue resistir às dores que o treino no ginásio lhe provoca. Manel aconselha-o a não exagerar mas o livreiro afirma que no dia seguinte tem de estar preparado para vencer Acácio na bicicleta, pois a vergonha seria imensa se não conseguisse. Acácio oferece um pote de mel biológico a Lé que fica muito contente com aquela atitude, embora sem perceber a atrapalhação dele e o facto de estar a tentar conquistá-la. Lé repara que Acácio ainda se coça e oferece-se para o ensinar a meditar, pois ele reconhece que a concentração ajuda a que não sinta comichão. A conversa corre bem ao feirante e ele desafia Lé, sempre com segundas intenções, para jogarem uma partida de bowling. Beatriz faz sala a Rosa e Adelino enquanto Sofia não chega para o jantar. Rosa conta que Ana está em Paris com a esperança de integrar um ensaio clínico que pode fazer com que volte a andar. Beatriz saúda a novidade e Rosa acrescenta que já marcou a viagem que ela e Adelino vão fazer à Madeira. Ele não mostra grande entusiasmo e quando a namorada se ausenta para ir à casa de banho, pede ajuda à filha para demover Rosa, queixando-se de que ela não é capaz de estar quieta. Beatriz ri e diz que ele tem sorte em ter encontrado uma mulher como Rosa. O pai entra na brincadeira, também divertido. Isabel ganha coragem e conta a Artur que esta não é a sua primeira gravidez e que há muitos anos teve um filho que teve de dar para adoção. Medindo cada palavra e exibindo uma angústia que não consegue disfarçar, Isabel revela que é a mãe biológica de Salvador, bem como toda a história que envolveu o seu nascimento. Artur fica em choque mal conseguindo articular uma frase. Sofia conta a Matilde que Laura a procurou novamente e que ela está completamente louca, querendo que sejam amigas depois de ter voltado a enganá-la. Salvador chega entretanto e fica irritado por perceber que elas se calaram repentinamente. Matilde acalma-o inventando que a mãe veio visitar Clarinha. Depois de Sofia ir embora, Matilde confessa que já sabe porque é que a mãe quebrou a parceria com Laura, mas pede-lhe que fale com ela para saber as razões de mais um desentendimento entre ambas. Salvador fica mais satisfeito e promete conversar com Laura. (conclusão)

——

Lúcia confere na mesa de Nuno e Simão se está tudo bem com eles e pergunta a Camila se está a gostar do seu Hambúrguer. A menina está tão feliz que só consegue sorrir. Nuno comenta que está tão bom que ela nem consegue falar. Numa outra mesa, o ambiente é pesado entre Isabel e Artur. Ela faz-lhe notar que não abriu mais a boca depois de ele ter revelado que é a mãe de Salvador e o namorado vinca que não esperava que ela tivesse um filho da sua idade. Isabel desabafa que ele parece a mãe a falar e tem uma náusea por causa da gravidez e propõe que vão embora. Artur levanta-se para pagar e fica amuado quando ela esboça o gesto para lhe dar dinheiro. Camila acaba de jantar e ouve Nuno dizer a Simão que estão convidados para o casamento de dois rapazes amigos. Simão não se mostra muito entusiasmado mas Camila aproveita a oportunidade para reafirmar o desejo de os ver casados. A menina conta que na escola os colegas dizem que eles não são uma família e que o pai de um deles afirmou que eles não podiam casar. Nuno e Simão fazem notar que agora a lei permite o casamento de pessoas do mesmo sexo e quando ela não está a reparar dizem entre dentes que têm de falar com a educadora sobre os comentários dos colegas. Teresa fica estarrecida quando Laura lhe conta que descobriu que Margarida foi abusada sexualmente pelo pai e questiona, com lágrimas nos olhos, como é que ele foi capaz de tal monstruosidade. A mãe demove-a de falar com a irmã, pois esta revelação que fez a descompensou emocionalmente. Matilde diz a Salvador que a mãe os convidou para jantarem em sua casa e com uma cara triste sugere que recomecem com Clarinha a vida noutro lugar, onde não tenham de enfrentar as desavenças entre as suas mães. Salvador insiste para que ela lhe conte o que é que levou Sofia a quebrar a parceria empresarial com Laura mas ela reafirma que é melhor ele falar com a mãe. No palacete, Fábio insiste com Lé para que lidere uma empresa para distribuir o dinheiro que Mário lhe enviou. Lé resiste e reafirma que o dinheiro é para ajudar pessoas necessitadas e que é isso que vai fazer. André entrega a Fátima um saco com comida que tinha levado para o buraco que escavou para escapar ao fim do mundo. Acácio fica radiante e prepara-se para abraçar o filho, por acreditar que ele voltou a ter juízo. André vê que o pai continua a coçar-se, agora com uma mão de madeira, mandando-o afastar-se para não lhe pegar a sarna. Acácio defende-se lembrando que a psoríase não é contagiosa e Lé ajuda-o propondo que meditem juntos. Acácio volta a olhá-la com desejo e com ar apaixonado. Fátima irrita-se com o irmão porque ele diz sem qualquer vergonha que não gosta de trabalhar e sai da cozinha furiosa com ele. Nesse momento cruza-se com Mariano, que está cheio de dores por causa do exercício exagerado que tem feito no ginásio. Apesar dos protestos dele, leva-o para o quarto e, utilizando uma linguagem que ele não entende, diz que tem necessidades que tem de satisfazer. Assim, propõe-lhe que finjam que são outras pessoas para terem sexo sem pesos na consciência. Mariano acaba por ficar receptivo à ideia e ela diz que o vai esfolar como a um presunto. Dulce descobre Carlos a tomar um copo de leite na cozinha dos patrões e percebe que ele está triste e desmotivado por ter perdido Fátima. A mãe ainda se esforça para o motivar a sair com amigos ou a arranjar outra namorada mas Carlos assume que nada mais lhe interessa, para além de Fátima. Margarida entra no quarto de Teresa e pede para dormir com ela. A irmã recebe-a de braços abertos, percebendo a sua grande fragilidade. Pala manhã, quando salvador entra em casa depois de ter ido correr, Matilde insiste com ele para que considere o seu pedido para refazer a vida longe dos conflitos familiares. Ele mostra-se surpreendido por pensar que ela não estava a falar a sério mas promete pedir á mãe que lhe conte o que aconteceu entre ela e Sofia para estarem de novo de costas voltadas. Sofia toma o pequeno-almoço com Ricardo e confessa que não lhe apetece ir trabalhar. Ele sugere-lhe que tire o dia mas Sofia diz que tem muitos assuntos que só ela pode tratar. Nesse momento, Ricardo recebe uma chamada de um amigo que o desafia para ir jogar mas recusa o convite. Sem reservas conta a Sofia o teor da chamada e acrescenta que desde que decidiu combater o vício do jogo se farta de receber chamadas a desencaminhá-lo. Sofia percebe a insegurança do namorado e decreta que ele tem de cortar com aquela gente. Vasco pede a Manel para telefonarem à mãe mas ela acaba por não atender a chamada. O miúdo tira um convite de aniversário que recebeu mas diz ao pai que não quer ir á festa do amigo porque não pode comer o que gosta. Manel contorna a situação e convence-o a mudar de ideias. Lurdes desabafa com Horácio na fábrica, inconformada com a relação de Artur com Isabel, considerando que o filho é um miúdo grande, que vai estragar a vida ao assumir a paternidade do bebé que ela espera. Lurdes não esconde o rancor que sente de Isabel e até encara a possibilidade de procurar outro trabalho para deixar a fábrica. Camila vai para a escola levada por Simão e diverte-se às suas cavalitas. Antes de se despedir do pai oferece-lhe um desenho que o deixa com um grande sorriso na face. Teresa confessa a Laura que dormiu mal, afectada pela notícia de que o pai abusou sexualmente da irmã durante anos e refere que Margarida pediu para dormir com ela. Laura diz que já sabia e avança que Margarida saiu cedo para se encontrar com Alice, interrogando-se se ela alguma vez vai recuperar de tantos traumas. Alice fica atónita quando Margarida lhe conta que teve uma relação incestuosa com o próprio pai e ainda mais surpreendida com o facto de ela não o culpar por isso. Depois de conversarem, Margarida diz que quer ir à loja de surf para falar com o irmão mas Alice afirma que o que ela quer é ver Tomás. Margarida não esconde esse desejo e quando lá chega depara-se com Tomás e Lúcia que se beijam apaixonados. Assim que percebe a presença de Margarida, Lúcia opta por regressar ao bar e ela conversa com Tomás, pedindo-lhe desculpa por lhe ter infernizado a vida. Ele mostra-se constrangido por ter sido surpreendido a beijar Lúcia mas margarida desvaloriza a situação. Laura telefona a Morais para saber se ele tem novidades sobre a investigação que lhe encomendou e ele engana-a dizendo que já foi falar com a diretora do laboratório e que ela negou ter dito a Sofia que foi subornada. Laura pede-lhe que a informe quando tiver novidades e desliga o telefone. Andreia, que assistiu à conversa junto do detective, afirma que é impressionante a confiança que Laura tem nele. Morais sorri e responde com ironia que lhe vai dar muitas informações, acrescentando que o caso vai ser arquivado por falta de provas. Simão prepara-se para mostrar a Teresa o desenho que Camila lhe deu mas Laura interrompe a conversa e avisa-o para não marcar nada pois quer falar com ele e com os irmãos ao mesmo tempo. O filho fica apreensivo e Teresa previne-o para que se prepare. Ele não valoriza a observação e mostra-lhe finalmente o desenho de Camila, onde aparece com Nuno, ambos vestidos de noivos. Nuno telefona-lhe nesse momento e confessa ter ficado embevecido com o desenho. Simão assegura que a menina não vai descansar enquanto não os vir casados e enquanto não lhe derem um irmão. Nuno responde bem-disposto que casado ainda vá, mas que não é conversa para terem naquele momento. Rosa entra na florista e conta que Ana já está de regresso a Portugal e que está a organizar um jantar para a receber. Nuno responde que vai falar com Simão mas que, em princípio, pode contar com eles. Frederico vai ao colégio de Camila para a levar e diz aos gritos que ela é sua filha e não daqueles maricas. O segurança ainda consegue chamar a polícia antes de Frederico o agredir, invadindo depois a zona das salas de aulas. Beatriz comenta com Sofia a vontade que Rosa tem de viajar, por contraste com a inércia de Adelino, que não está para essas aventuras. A irmã recorda que o pai viveu sempre para trabalhar e que agora estranha a vida diferente que tem. Sofia diz a Beatriz que também está na hora de ela tirar férias e sugere-lhe que vá com o pai e a namorada no cruzeiro. Beatriz mostra-se pouco interessada, muito por não ter outra companhia. Sofia muda a expressão e desabafa a sua preocupação com Ricardo, que pode ceder de novo à tentação de voltar a jogar. Mariano sofre com dores musculares e deixa cair no chão da livraria uma pilha de livros que transporta. Manel vai ajudá-lo e diverte-se com a situação. Mariano pergunta-lhe se já decidiu aceitar a proposta para dar aulas na universidade e perante a negativa de Manel, deixa-o à-vontade para agarrar a oportunidade. (conclusão)

——

Frederico invade os corredores do colégio de Camila e grita o seu nome. As auxiliares conseguem esconder a menina no andar superior e agarrar o homem, com a ajuda do diretor e do segurança que entretanto se recuperou do murro que levou e avisa que a polícia deve estar a chegar. Frederico tenta libertar-se e grita que ele é que é o pai de Camila e não aquelas bichas, referindo-se a Simão e a Nuno. Depois de vender um ramo de flores, Rosa confessa a Nuno que tem saudades de trabalhar, reconhecendo que não gosta de estar parada e justificando assim o seu desejo de viajar, ao contrário do que acontece com Adelino. Nuno recebe uma chamada do colégio de Camila e fica muito nervoso por saber que o pai biológico tentou levá-la. Nuno pede á mãe que tome conta da florista e vai para o colégio numa grande aflição. Frederico é levado pela polícia para a esquadra, entre insultos a Nuno e Simão, gritando que não está certo ter entregado a sua filha a dois maricas. Simão recebe a notícia de que Frederico tentou raptar Camila e, depois de contar a Laura o sucedido, diz à mãe que vai buscar a menina ao colégio. Sofia reafirma a Ricardo que está fora de questão reatar a parceria empresarial com Laura, assumindo que nunca mais confiará nela. Mudando de assunto, pergunta a Ricardo se recebeu mais chamadas a desafiarem-no para ir jogar. Ele revela alguma insegurança mas afiança que não vai recair. Ela alivia a tensão que se gerou e convida-o para jantar. Fátima leva produtos da horta do palacete para os cozinhados de Gonçalo no bar da praia e ele sorri, agradecendo a oferta. Lúcia faz limpezas e Fátima mete-se com ela, ao perceber que está intranquila. Tomás entra nesse momento e vai ter com Lúcia, assegurando que a conversa com Margarida não passou disso mesmo e que ela lhe pediu desculpa por lhe ter perturbado a vida e que o que queria mesmo era falar com Salvador. Lúcia faz questão de dizer, ainda pouco confiante, que precisa de uma relação estável e Tomás promete que nunca mais a vai largar. Margarida confessa a Alice que sentiu ciúmes por ter presenciado o beijo entre Tomás e Lúcia mas que não tem moral para se revoltar seja com o que for. Alice esforça-se por animar a amiga e desafia-a para escolherem um curso para ela frequentar. O entusiasmo não é grande mas Alice consegue arrancar um sorriso a Margarida quando diz que qualquer dia a mãe ainda a põe a cozer sapatos. Sofia conversa com Beatriz e Ricardo quando Laura aparece na Mood e lhe pede para conversarem. A irmã e o namorado retiram-se para outros gabinetes e Laura reconhece pela primeira vez que manipulou os exames médicos de Matilde, com o objectivo de a fazer perceber que estaria sempre ao seu lado, reganhando a sua confiança. Laura implora a Sofia que volte a ser sua amiga e sua sócia, mas ela mantém-se irredutível e trata-a com dureza, reafirmando que nunca mais a quer ver à frente. Laura vai embora triste e humilhada. Camila estranha que Simão e Nuno a levem tão cedo para casa mas eles disfarçam e respondem que tiveram a ideia de fazer um dia diferente. Nuno explica que o pai Simão ainda vai ter de sair mas propõe levá-la ao cinema. A filha fica radiante, mas quando os deixa a sós, Nuno e Simão deixam transparecer a sua preocupação por mais um ataque de Frederico á sua estabilidade familiar. Rosa telefona a Horácio e conta-lhe que o pai biológico de Camila tentou levá-la do colégio mas, ao mesmo tempo tranquiliza o ex-marido, confirmando que tudo se resolveu. Entretanto, Rosa mostra-se preocupada por não ter notícias de Ana e pede a Horácio que tente contactar Bruno, já que não conseguem falar com a filha. Lurdes para de trabalhar antes da pausa e diz que precisa de esticar as costas. Célia avisa que se Isabel aparecer não vai gostar de a ver parada e Dulce sai em defesa da afilhada, dizendo que quem a ouvir falar ficará a pensar que ela maltrata as pessoas, acrescentando que ela agora tem outras preocupações. Lurdes irrita-se e bate com as mãos na bancada gritando que se ela tem preocupações é porque as criou. Horácio aproxima-se de Lurdes e repreende-a, avisando que não pode persistir em ter aquele comportamento. Lurdes sai ofendida para o corredor e encontra Artur, exigindo falar com ele. O filho pede-lhe que não arranje mais confusões mas ela não se detém e volta a dizer que não aprova a sua relação com Isabel, vincando que ele não está em condições de ser pai e que o que tem de fazer é de tratar de saber se o filho é seu. Isabel que vem a andar com Benedita fica ofendida com o que ouve e afirma que se ela gostasse do filho nunca diria o que disse. A discussão é interrompida por Artur que grita para a mãe que acabou. Ela diz que ele escolheu o seu lado e vai embora magoada. Isabel sente-se mal e é levada para o balneário por Benedita e Artur. Depois de vomitar e muito abalada, Isabel diz a Artur para falar com a mãe porque se ela continuar a trata-la assim, vai ter de a despedir. Benedita leva a irmã para casa, depois de ela ter dito ao namorado para voltar ao trabalho. Fátima e Acácio despedem-se comovidos de André, que decidiu procurar trabalho, tal como a irmã lhe tinha imposto. Acácio abraça o filho e Fátima lacrimeja pela partida do irmão. Lé e Concha avaliam projetos que possam auxiliar com o dinheiro que Mário lhes enviou, mas nenhum consegue despertar o interesse desejado. Acácio vai ter com elas e candidata-se ao subsídio para montar uma pequena feira no palacete. Lé e Concha rejeitam prontamente a ideia. Salvador chega mais cedo à Boheme e confessa à mãe que o fez de propósito porque quer que ela lhe diga porque é que Sofia quebrou a parceria que tinham acordado. Laura é evasiva e insiste em dizer que Sofia desistiu porque continua a não confiar nela. Salvador não fica convencido mas não insiste porque a mãe afirma que o que tem para falar com ele e os irmãos é muito mais importante. Depois de estarem todos reunidos, Laura conta que descobriu que o pai deles abusou sexualmente de Margarida, percebendo-se agora as alterações comportamentais que ele sempre evidenciou. Teresa revive o horror da revelação, enquanto Simão e Salvador não escondem a estupefação e revolta. À medida que a conversa decorre, Simão chora a má sorte da irmã em silêncio. Laura pede aos filhos para jantarem lá em casa. Teresa diz que já tinha um jantar marcado e que o vai desmarcar. A mãe pergunta com quem tinha o encontro e ela responde que se trata de uma amiga que precisa de apoio pois está a divorciar-se. Salvador diz á irmã que não vale a pena anular o compromisso. Laura corrobora as palavras do filho e murmura que não sabe se Margarida conseguirá recuperar de um trauma tão grande. Margarida despede-se já em casa de Alice e agradece-lhe por ser a sua melhor amiga. Quando fica sozinha, mergulha numa profunda tristeza que estava a esconder e vai para a biblioteca folhear um álbum de fotografias. Margarida chora ao deter-se numa foto em que aparece abraçada ao pai e murmura a chorar que sente muito a sua falta. Mariano tem tantas dores musculares que nem consegue subir ao escadote da livraria para arrumar os livros. Manel dá-lhe uma preciosa ajuda e diz-lhe que não siga os conselhos de Acácio e vá comprar medicamentos para acabar com o sofrimento. Manel vai arrumar o armazém e nesse momento Morais entra na livraria e diz a Mariano que pretende conhecer as últimas novidades. O telemóvel toca e o detective atende uma chamada de Andreia que está impaciente porque Sofia não reagiu com um escândalo ao que Laura fez a Matilde. Morais não acredita que Laura tenha conseguido convencer Sofia da sua inocência e dá instruções que Andreia se dispõe a cumprir. (conclusão)

——

Laura regressa a casa ainda perturbada pela conversa que teve com os outros filhos sobre o abuso sexual de que Margarida foi vitima por parte do pai. Ela pergunta à mãe, com grande vergonha, se os irmãos já sabem do que lhe aconteceu e Laura faz-lhe entender que tinha de contar à família, tratando-se de um assunto tão sensível. Preocupada com o isolamento da filha, Laura propõe que assistam a uma sessão de cinema juntas e Margarida aceita, embora deixe claro que se a mãe retomar a vida normal sem insistir em tomar conta dela, significará que voltou a confiar. Laura promete que vai regressar à empresa a tempo inteiro. Matilde recusa-se a acreditar que Margarida foi abusada sexualmente pelo próprio pai. Salvador, depois de lhe contar mais essa tragédia que a família está a atravessar, diz que a mãe lhes pediu para jantarem com ela lá em casa. Matilde fica incomodada por ter de desmarcar o jantar que já tinham combinado com Sofia, argumentando que a sua mãe não gosta de ser preterida em favor da mãe dele. Salvador faz-lhe ver que a sua família está a passar por uma grande adversidade e Matilde aceita a mudança de planos, sem revelar ao marido as suas reticências, resistindo a contar-lhe que Laura lhe manipulou os exames médicos para benefício próprio. Jacinto leva a Marisa um ramo de salsa para adicionar ao jantar e cruza-se com Dulce, aproveitando para comentar com ela a relação de Artur com Isabel, de que resultou uma gravidez preocupante. Dulce, tal como o jardineiro, confessa as suas preocupações mas acaba por se mostrar resignada, aceitando que eles estão a fazer as escolhas que entendem mais acertadas nesta fase da vida. Salvador e Simão conversam com Margarida sobre o facto de ele ter sido abusada pelo pai e estranham que ela não culpe Francisco pelo mal que lhe fez. A irmã mais nova do clã Aragão reconhece que está ainda numa fase em que lhe custa ver que a relação que tinha com o pai era errada e os irmãos prometem não tecer comentários agressivos daqui em diante. Laura vai chamar os filhos para jantarem e Margarida assume que não podia ter irmãos melhores que Salvador e Simão. Manel deixa queimar o jantar e propõe a Sofia que vão jantar fora. Ela assume que se distraíram porque a conversa estava boa e concorda em sair, não sem que antes terminem o vinho que estão a tomar. A cumplicidade entre eles é cada vez maior. Ricardo entra em casa de Sofia e, depois de lhe entregar a garrafa de vinho que escolheu para tomarem, fica a saber que vão jantar sozinhos porque Matilde e Salvador tiveram de ir jantar com Laura devido a mais uma crise familiar e Beatriz foi jantar com uma amiga. Ele não se incomoda com o facto mas fica atrapalhado quando recebe uma mensagem no telemóvel, desafiado por um amigo para ir jogar. Sofia estranha a tensão do namorado mas ele consegue enganá-la dizendo que recebeu uma mensagem a avisar do pagamento de uma factura. Ela acredita e vai verificar se a refeição está pronta. Ricardo aproveita para escrever uma mensagem e aceitar o convite que lhe estão a fazer para uma casa clandestina de jogo. Lé procura desesperadamente projectos que possa financiar com o dinheiro que Mário lhe ofereceu. Fábio insiste nas suas ideias absurdas defendendo que ela não tem de dar ouvidos às ideias de Concha, que estão em completo desacordo com o que ela pensa. Mariano também não se revela grande ajuda, com a sua visão romântica da vida e Fábio acaba por dar a ideia de transformar o palacete numa espécie de espaço para tempos livres, propondo-se tomar conta das crianças. Célia interrompe a argumentação do marido dizendo que têm de ir visitar os seus pais, que já estão mortos de saudades do pequeno Diogo Crispim. Fátima assoma entretanto à porta e faz sinal a Mariano que lhe quer falar. Ele dirige-se à porta e ela entrega-lhe um trajo espanhol para que o use na noite romântica que planearam. Mariano fica indeciso, mas Fátima faz valer os seus argumentos e obriga-o a manter o que tinham combinado. Carlos procura pela mãe e vai encontra-la na cozinha dos Aragão, cheia de saudades do tempo em que ali trabalhou e, ao mesmo tempo, com vontade de deixar a fábrica, para evitar os conflitos que por lá ocorrem. Dulce considera a possibilidade de se mudar para a terra mas o filho aconselha-a a pensar bem, dispondo-se a acompanhá-la para fazer uma visita à família, como é seu desejo. Isabel fica satisfeita com a reação positiva de Beatriz à sua gravidez e confessa que o principal problema tem sido lidar com o mau génio de Lurdes, já que Artur tem assumido as suas responsabilidades de pai, estando sempre a seu lado. Já Beatriz, suspira ainda por Mariano, embora tente convencer-se de que já não quer ter mais nada a ver com ele. Rosa critica Adelino por ter demorado demasiado tempo no almoço com os amigos e por chegar a casa a cheirar a vinho. Ele desvaloriza a situação e promete comportar-se à altura de receber Nuno, Camila e Vasco que vão jantar lá em casa. Entretanto, Rosa mostra-se preocupada por não ter ainda notícias de Ana. Fantasiados de espanhóis, Fátima e Mariano voltam a fazer amor. Ele com grande custo, cheio de dores no corpo por causa do exercício excessivo que tem feito no ginásio. Ricardo tenta acabar rapidamente a noite com Sofia para ir jogar. Ela percebe a estratégia do namorado e vai direta ao assunto, garantindo que se ele sair de casa para ir mergulhar no vício, não entrará mais. Ricardo assume que está a ser difícil lidar com o seu problema mas pergunta a Sofia se ainda vai a tempo de aceitar o convite que ela lhe fez para passar a noite com ela. Sofia sorri e acaba por beijá-lo. Laura telefona ao detetive Morais e marca um encontro com ele a pretexto de lhe pagar o que deve e saber como está a correr a investigação que lhe encomendou. Antes de lhe enviar a mensagem com o local do encontro, Laura detém-se a pensar durante alguns segundos. Manel e Teresa divertem-se a jogar bowling e acabam por se beijar, não conseguindo mais negar que estão apaixonados. Já em casa dele beijam-se cada vez com maior intensidade e começam a despir-se mas Teresa trava o momento e diz que não se podem envolver porque ele teve uma relação com Laura. Manel argumenta que isso foi há muito tempo e ficou resolvido quando acabaram. Teresa resiste e diz que tem de ir para casa porque a família está a passar por um momento complicado, prometendo conversar mais tarde, com mais calma, sobre o que estão a sentir um pelo outro. Manel vê-a partir, com um misto de apreensão e frustração. Laura estaciona o seu carro numa zona pouco movimentada e é abordada por dois homens que lhe pedem a mala. Ela tenta resistir mas é atirada ao chão, percebendo que acaba de ser assaltada. Dentro de um outro carro está Sofia que sorri, satisfeita com a cena que acabou de observar. No entanto, acaba por ficar desagradada quando os assaltantes agridem Laura, antes de lhe roubarem o carro. Sofia acaba por arrancar no seu automóvel depois de ver que Laura se mexe e que está viva. Um transeunte avista a mulher caída e vai em seu auxílio. Teresa conversa com Margarida e fica apreensiva com o facto de a irmã dizer que não consegue odiar o pai, apesar de ele ter abusado dela. Salvador irrita-se com Matilde, que continua a não lhe dizer porque é que Sofia acabou a parceria com Laura. Ela argumenta que quer apenas protegê-lo e que não o quer colocar contra a mãe. Salvador diz que está farto de ser enganado por toda a gente e vai embora zangado. Simão junta-se a Nuno para tomar o pequeno-almoço e expressa a sua angústia e tristeza por nunca se ter apercebido que o pai abusava sexualmente da irmã. Simão confessa estar igualmente perturbado com o facto de o pai biológico de Camila ter tentado raptá-la. Nuno abraça o companheiro e concorda que têm de se manter atentos e conferirem se a polícia vigia regularmente os seus movimentos. (conclusão)

——-

Horácio conta a Artur que o pai, embora não seja muito expansivo, está muito preocupado com a relação dele com Isabel. Artur confessa que, mesmo assim, prefere a compreensão do pai, à intolerância da mãe, já que Lurdes insiste em hostilizar a namorada. Horácio lembra que ele próprio foi confrontado com a homossexualidade do filho Nuno, que até hoje lhe custa a aceitar. Artur desvaloriza, pois não acha que as duas situações sejam comparáveis. Isabel encontra Lurdes no balneário da fábrica e aproveita para a despedir, justificando a sua atitude com o facto de não poder permitir que ela continue a intrometer-se na sua relação com Artur. Lurdes engole o orgulho e a raiva e sai despeitada. Morais telefona a Andreia e conta-lhe que Laura não compareceu ao encontro, acrescentando que tentou ligar-lhe e que o telemóvel estava desligado. Andreia estranha o facto insiste para que ele tente perceber o que se passou. O detective convida-a para ir ter com ele ao bar da praia mas ela diz que tem de trabalhar e que se juntará a ele mais tarde. Sofia chega à Mood e mente a Beatriz para justificar a sua ausência matinal da empresa, dizendo que foi tratar de assuntos ao banco. Porque a irmã questiona o facto de ela não ter ido com Ricardo, o responsável pela área financeira, Sofia afirma que a questão não era suficientemente importante que exigisse a presença dele. Já que está a falar do namorado, conta que ele é frequentemente tentado a voltar a jogar, ao mesmo tempo que se mostra insegura quanto á sua capacidade para o afastar do vício. Beatriz pergunta se a última disputa com Laura ainda a incomoda e a irmã responde que nunca a perdoará. Laura chega a casa bastante maltratada e Margarida fica horrorizada com as lesões que ela apresenta. A mãe explica que sofreu um assalto violento e pede-lhe que avise os irmãos, sem contudo os alarmar. Antes de se deitar para descansar, Laura telefona ao detective Morais a explicar-lhe porque é que não compareceu ao encontro com ele, dizendo que falará mais tarde com ele. Teresa recebe uma chamada de Manel e, embora a custo, aceita ir almoçar com ele. Simão entra no gabinete da irmã e deixa-a incrédula ao revelar que a mãe foi agredida e assaltada. Teresa não resiste e decide ir para casa para conferir o estado de saúde de Laura. Carlos procura Mariano na livraria e pede-lhe ajuda para reconquistar Fátima. O amigo fica comprometido, pois envolveu-se com ela e não tem coragem de o revelar. Fátima arruma o seu quarto e os fatos tradicionais de Espanha que usou com Mariano na última noite em que se envolveram. Lé entra no quarto para colocar umas flores e Fátima esconde os adereços com grande atrapalhação. No entanto, a patroa não se apercebe que ela escode também que se continua a encontrar com Mariano às escondidas. Teresa olha apreensiva para as mazelas que Laura exibe depois de ter sido assaltada e prontifica-se a desmarcar o seu almoço para ficar com ela o resto do dia. A mãe reforça que não vale a pena preocupar-se. Rosa atende clientes na florista e fica embevecida quando Adelino afirma com ar sedutor que as rosas são, para ele, as flores mais bonitas. Confessando-se esfomeado, o namorado desafia-a para almoçarem num restaurante que tem um cozido á portuguesa fantástico mas Rosa prefere ir almoçar a casa, desejosa de se reencontrar com Ana, de quem não teve notícias até agora, recebendo apenas uma mensagem a dizer que estava tudo bem. Ricardo prepara-se para almoçar com Sofia e confessa que sentiu a sua falta quando despertou de manhã, acrescentando que acordou mesos ansioso e que não vai perdê-la por causa do seu vício do jogo. Sofia acredita que ele vai ser forte e diz que saiu cedo para tratar de uns assuntos. Incomodada por estar a mentir, corta a conversa a pretexto de ir chamar o empregado que nunca mais aparece para os servir. Quando ele sai da mesa, um amigo de Ricardo aproxima-se dele e conta que tem frequentado uma casa de jogo onde tem ganho muito dinheiro, desafiando-o para aparecer. O amigo entrega-lhe um cartão-de-visita para que lhe telefone e cruza-se com Sofia, sendo apresentado por Ricardo. Ela percebe o que se passou e tira delicadamente o cartão das mãos do namorado e rasga-o em pedacinhos. Ele aceita a decisão de Sofia, indiciando que está mesmo apostado em curar-se. Teresa almoça com Manel no bar da praia e, depois de ouvir a sua argumentação, aceita namorar com ele, ambos dispostos a enfrentarem a mais que provável oposição de Laura. Lúcia observa os movimentos de Teresa e garante a Tomás que nada tem contra ela, pois também foi enganada por Vicente. Tomás convida-a para um passeio e ela pede a Gonçalo que tome conta do bar por ela. Gonçalo aproveita para lhe propor a inscrição noutro concurso de gastronomia mas ela recusa, deixando-o frustrado. Salvador visita Laura, incrédulo pelas agressões que a mãe sofreu durante o assalto de que foi vítima. Ela desvaloriza a preocupação dos filhos e recusa a companhia de Margarida que queria faltar ao primeiro dia de trabalho na loja, para ficar com ela. Ricardo assegura a Sofia que sempre que for tentado para voltar a jogar vai conseguir resistir porque vai pensar nela. Sofia dá-lhe um beijo carinhoso e Beatriz fica constrangida por entrar nesse momento interrompendo o momento. Sofia coloca a irmã à-vontade e tem a ideia de convidar o pai para jantar lá em casa com elas. Beatriz gosta da ideia, pois está curiosa para saber se o pai sempre decidiu viajar. Manel e Teresa tomam consciência de que não vão ter uma relação fácil, embora ele confie que as mudanças que Laura evidenciou desde que reapareceu a vão tornar mais compreensiva. Depois de combinarem ver-se mais tarde, despedem-se e deixam o bar da praia. Teresa é a última a entrar no carro e fica espantada quando avista Andreia aos beijos com o detetive Morais. Sem que deem pela sua presença. Teresa arranca no seu automóvel, perplexa com o que acabou de observar. Ana regressa de França muito desmoralizada porque os médicos consideram a sua situação clínica demasiado complicada para que possa voltar a andar. Rosa esforça-se por animá-la mas a filha prefere isolar-se no quarto. Bruno aconselha Rosa a dar tempo à filha de resolver sozinha, as suas frustrações. Isabel pede desculpa a Artur por ter despedido Lurdes mas ele assume que a mãe é que foi a responsável por não aceitar a relação deles, nem o facto de esperarem um filho. Artur acarinha Isabel e reforça que é ao seu lado que quer estar. Fátima insiste em mimar Concha, convencida de que ela está melindrada por Artur estar com Isabel e prestes a ser pai de um filho com ela. Concha reafirma que não tem qualquer problema com isso, mas a cozinheira não acredita. Lé faz meditação quando é interrompida por Horácio que tenta fazer o mesmo mas com um pau de incenso aceso. O pai de Fátima fica algo desiludido por não causar o impacto desejado, mas aceita fazer meditação em conjunto com ela. Cada um de sua vez vai olhando para o outro com apenas um olho aberto. Laura não consegue acreditar quando Teresa lhe conta que viu Andreia aos beijos na praia com Morais. Ambas concordam que para estarem juntos, Andreia tem de ter um objectivo para melhorar a vida e Laura confessa que ele tem várias informações que a podem prejudicar gravemente. Depois de lhe ligar para tirar tudo a limpo, fica furiosa porque o detective não a atende. (conclusão)

——

Depois de regressar da escola, Violeta pede a Lúcia se a deixa falar com Vicente ao anoitecer, pois tem saudades do pai. A mãe diz que lhe faz a vontade desde que ela não perca muito tempo para não se deitar muito tarde. Violeta conta depois à mãe que gosta que ela esteja a namorar com Tomás e que Matias também lhe confessou que aprova a relação, porque gosta dele. Lúcia fica feliz por ter a aprovação dos filhos e promete a Violeta que não conta ao irmão que ela cometeu esta inconfidência. Margarida atende uma cliente na loja de cosméticos e fica satisfeita por se sair bem no primeiro dia de trabalho. Alice apoia a amiga e mostra-lhe uns folhetos que contêm informação sobre diversos cursos que ela pode fazer. Margarida conta que está inclinada a frequentar um curso de joalharia e Alice diz que quer ser a primeira a ter um anel feito por ela. Simão procura Sofia na Mood e consegue finalmente que ela revele o que se passou para terminar repentinamente a parceria com a Boheme. Sofia conta que descobriu que Laura, para se aproximar dela, subornou o laboratório onde Matilde fez as suas análises, de modo a que ela ficasse convencida de que tinha indícios de cancro no útero, aparecendo depois como seu grande apoio, para mais tarde repetir os exames, que viriam a revelar que afinal estava tudo bem. Simão fica estupefacto com o relato que acaba de ouvir, enquanto Sofia lhe reafirma que a mãe é louca e que dela não quer nada. Gonçalo e Concha namoram no palacete e ele mostra-se desiludido por Lúcia não permitir que ele seja mais arrojado nos pratos que servem no bar da praia e também porque ela recusou entrar em mais um concurso gastronómico. Concha anima o namorado mas chega a ficar preocupada quando ele admite ir à procura do sucesso para o estrangeiro. Ele corrige o tiro e diz que a leva consigo na mala de viagem. Matilde mostra-se impressionada com o assalto que Laura sofreu, mas percebe que Salvador está amuado. Ele assume que assim continuará enquanto ela não lhe contar porque é que as suas mães voltaram a zangar-se acabando com a parceria entre as suas empresas. Matilde reafirma que não quer falar do assunto porque não quer ser a responsável por colocá-lo contra Laura, vincando apenas que o que ela fez só veio provar que não mudou e continua manipuladora. Salvador conforma-se e Matilde agradece-lhe por respeitar a sua posição. Teresa está de saída para e jantar com Manel mas mente à mãe e diz que vai jantar com umas amigas. Laura não acredita mas concede não a pressionar. Quando Teresa abre a porta assusta-se, pois Simão entra de rompante para confrontar a mãe, dizendo que já sabe porque é que Sofia desistiu da parceria com ela. Teresa ouve o irmão contar que ela mandou falsificar os exames de Matilde só para se reaproximar de Sofia, aparecendo aos seus olhos como uma grande amiga a apoiar a filha dela. Teresa fica estupefacta, enquanto Laura é obrigada a desculpar-se depois de perceber que não consegue enganá-los. Simão e Teresa aceitam não contarem a verdade a Salvador, para a proteger, embora Laura ache que lhe eles estão é a proteger o irmão. Ana confessa a sua desilusão a Vasco por não ter conseguido um tratamento para voltar a andar. O filho percebe-lhe as lágrimas que já lhe banham os olhos e tenta mimá-la de maneira a que não deprima mais. Teresa fica deslumbrada ao ver a mesa requintada que Manel colocou para jantarem e não perde tempo a beijá-lo e a dizer que não precisa de fazer mais para a conquistar, pois está rendida. Laura telefona a Morais e pede para se encontrar com ele. Fica furiosa porque ele afirma que naquela altura está ocupado. Laura ironiza e diz que quer vê-lo o mais depressa que for possível. Simão conta a Nuno que Camila já dorme profundamente. Aproveitando o facto de estarem a sós, confessam os receios que têm de que o pai biológico da menina volte a tentar aproximar-se e levá-la consigo. Teresa e Manel, apaixonados, tomam o pequeno-almoço, assumindo a sua paixão. Ela apressa-se para regressar a casa e cruza-se com Gonçalo que acabou de acordar e entrou na cozinha. Depois de revelar algum constrangimento, Gonçalo recupera o bom humor e diz a Manel que ela é gira. O primo ri, concorda e é a sorrir que diz não ter pedido a sua opinião. Manel acaba por pedir a Gonçalo não comentar o assunto. Laura recebe o detective e tenta fazer com que ele se sinta mal, acusando-o de estar a atraiçoá-la por andar com Andreia. Morais lembra que só não está consigo porque ela não quis e que tudo o que faz é por dinheiro, acrescentando que tem agora o sítio onde ir buscar tudo o que precisa. Depois de ele se retirar, Laura fica apavorada, pois sabe que está nas suas mãos. Camila diz que não quer ir à escola mas os pais dizem que não pode faltar. Como a menina se deixa convencer e vai buscar a mochila ao quarto, Simão e Nuno mostram-se apreensivos com o facto de poderem vir a ser novamente incomodados pelo pai biológico de Camila. Acácio agarra Lé por trás quando ela está a trabalhar o barro e finge que está interessado em aprender a arte. Ela estranha aquele comportamento e, delicadamente, faz com que ele se sente na cadeira onde ela está, para que o possa ensinar numa posição mais confortável. Ele não consegue desviar os olhos do corpo dela, mas não ousa revelar os seus sentimentos. Laura tenta que Teresa lhe conte onde passou a noite, certa de que ela tem um namorado novo. Teresa não se abre e vai para o quarto mudar de roupa. A mãe segue-a e esclarece que não quer falar com ela sobre a sua relação mas de um problema mais grave. Laura conta que já percebeu, pela conversa que teve com o detective, que ele está junto com Andreia e que ambos desejam prejudicá-la. Teresa interroga-se como é que poderão fazer isso e Laura assume que têm as informações de que precisam, vincando que vai falar com Andreia para a manipular e virá-la contra Morais. Rosa apanha um raspanete de Ana por consentir que Vasco coloque na mochila da escola um chocolate que não pode comer. A mãe troca a guloseima por bolachas sem glúten e levanta a voz, frisando que ele não pode furar a dieta, sob pena de ter de voltar ao hospital. Tomás e Lúcia falam de como andaram afastados um do outro antes de finalmente se entenderem e desafiam-se mutuamente antes de começarem a surfar. Célia fica enervada porque Isabel a manda tratar dos contratos dos novos funcionários. Lídia candidata-se a ocupar o lugar que Lurdes deixou vago como formadora e a patroa diz-lhe que as condições são as mesmas que tinha proposto a Lurdes. Isabel sai da zona das máquinas e encontra Dulce muito em baixo. A madrinha diz que se sente apenas mais cansada, mas acaba por justificar-se assumindo que fica mais esgotada porque na fábrica há mais confusões do que na cozinha dos Aragão. Fábio dá conselhos a Artur sobre a forma como cuidar do filho quando ele nascer, embora o amigo conte que já comprou um livro sobre o tema. Nuno conta a Rosa que a polícia garantiu ao pai biológico de Camila que se voltar a procurá-la ou tentar interferir na sua vida, vai preso. Rosa, por seu lado, confirma ao filho que a viagem de Ana a Paris não lhe devolveu a esperança de andar e que isso fez com que voltasse muito desanimada. Ana avisa Andreia que se não fizer os contratos dos novos clientes como deve ser, eles não contarão para os seus objectivos. Andreia provoca-a como resposta e diz que não tem pena que a sua consulta tenha corrido mal e que gosta de a ver na cadeira de rodas. Ana tenta não se irritar e antes de lhe virar as costas diz que ela vai ter o que merece. Andreia prepara-se para ir trabalhar mas recebe a visita de Laura, confessando que não estava à espera de a ver ali. Laura vai avisá-la para que não queira medir forças consigo, ameaçando destruí-la. Andreia não se atemoriza e decide enfrentar a ex-sogra. (conclusão)

——

Manel brinca com Mariano que está a estudar espanhol para poder ler a obra de Cervantes na versão original. O livreiro desconfia de tão boa disposição e pergunta se ele tem alguma novidade. Manel responde, enigmático, que a seu tempo lhe contará, pois não quer atrair o azar. Matilde faz-lhes uma visita levando Clara consigo e mostra-se desejosa por saber notícias frescas. Na ausência de novidades, diz que terá de se contentar com as novidades expostas na livraria. Mariano aproveita para contar que foi contactado para fazer ali o lançamento de um livro. Matilde saúda o facto, pois será sempre um dia para vender mais exemplares. Ricardo chega mais tarde à Mood e justifica-se perante Sofia, afiançando que não se demorou por ter ido jogar, mas sim porque um automobilista trancou o seu carro. Ela aceita a explicação e afirma que tem dificuldade para confiar nas outras pessoas. Entretanto, no momento em que Beatriz aparece, Sofia aproveita para dizer que vai registar em seu nome os modelos que desenhou com Simão para a parceria entre a sua empresa e a de Laura. A irmã e o namorado não acham bem que Simão saia prejudicado, pois não teve culpa do que a mãe fez a Matilde. Sofia acaba por dizer que apenas pretende evitar que Laura lance a colecção em nome da Boheme e que mais tarde devolverá os desenhos a Simão. Ricardo abre a sua agenda e liquida com Sofia parte da divida de jogo que tem para com ela, vincando que quer arrumar essa questão o mais rápido possível. Salvador e Tomás concordam que têm de passar a usar na escola de surf garrafas reutilizáveis de água para pouparem recursos, nomeadamente no plástico. Salvador apressa-se porque quer fazer surf antes da aula que tem para dar e Tomás conta que já foi ao mar com Lúcia e que ela está em excelente forma. Salvador brinca e diz que ele agora até tem namorada para surfar com ele. Tomás aproveita para contar que quando Margarida o procurou conversaram e que ela percebeu sem problemas que ele e Lúcia estão juntos. O amigo fica um pouco mais tranquilo e confessa que a sua relação com Matilde ainda não está completamente estabilizada, com todos os problemas que têm acontecido. Teresa conta a Simão que namora com Manel mas pede-lhe que não comente o assunto seja com quem for, principalmente com a mãe, pois Laura teve uma relação com ele. Simão promete ajudar a controlar a mãe e encoraja a irmã lembrando-lhe o que ele próprio lutou para constituir a sua família com Nuno. Ana chora a sua desilusão nos braços de Bruno, por não ter conseguido em França a cura que procurava para voltar a andar. O namorado garante que estará sempre ao seu lado para a acarinhar e proteger. Benedita cruza-se com Artur no corredor da fábrica e fica desconfiada quando ele diz que já está a viver com Isabel porque o relacionamento com a mãe estava a ser insustentável. No entanto, acaba por perceber que as intenções de Artur são as melhores quando ele garante que vai estar sempre ao lado de Isabel e do filho que ela espera. Benedita acaba por dizer, comovida, que a irmã teve muita sorte em encontrar alguém como ele e Artur retribui a gentileza, pedindo-lhe que não se lamente, pois é muito bonita e só está sozinha porque quer. Benedita gosta do elogio mas afasta-se a dizer que as coisas não são assim tão simples. Artur fica a vê-la afastar-se. Lurdes explica a Rosa e Adelino a forma como Isabel a dispensou da fábrica, mas reconhece que teve culpa, pois não conseguiu separar a vida profissional da relação do filho com a patroa. Lurdes não se conforma e insiste que Artur está a ser um tonto por se deixar prender pela gravidez de Isabel. ndreia conta a Morais a visita que recebeu de Laura e que ela se fez de forte mas que acabou por se ir embora mais nervosa. O detective retrata-a como uma pessoa que nunca quer dar parte fraca e Andreia jura que há-de extorquir a Laura e Sofia todo o dinheiro que puder com as informações que ele lhe der, colocando-as cada vez mais uma contra a outra. Manel e Teresa chegam nesse momento ao bar da praia e são avisados por Lúcia de que Andreia está ali. Teresa dispõe-se a ir comer noutro sítio mas antes que possa sair é provocada por Andreia. Na resposta, Teresa fala para Morais e diz-lhe que ao vê-lo com Andreia perdeu a consideração que tinha por ele. O detective comenta com Andreia que se Teresa soubesse tudo o que a mãe fez, não a defenderia tanto. Andreia deixa a ameaça de que um dia todos os filhos saberão o que Laura fez a Eduardo. Laura procura Matilde e justifica que mandou falsificar os seus exames médicos para conseguir que Sofia voltasse a ser sua amiga e pudesse reaproximar as duas famílias. Matilde ouve tudo com atenção e, no final da conversa, dá uma semana a Laura para contar a verdade a Salvador. Ela aceita falar com o filho, na esperança de que ele consiga perdoá-la. Fátima telefona insistentemente para Mariano que não pode atender logo as chamadas por estar a atender um cliente. Quando finalmente lhe pode dar atenção, Fátima conta-lhe que Juanita pediu que avisassem Ramon de que o espera para tratar do assunto que tratou na outra noite. Mariano entra na farsa e assegura que o espanhol irá ao encontro de Juanita, tal como ela pediu. Gonçalo insiste com Lúcia para que transforme o bar da praia num restaurante mais sofisticado à noite. Ela não aceita o desafio e explica que não quer ter a responsabilidade de ter de pagar a mais gente, pois está contente com o que conseguiu. Lúcia percebe que Gonçalo tem outras ambições e diz que será a primeira a apoiá-lo se encontrar outro local para trabalhar, desejando no entanto conservá-lo enquanto puder, pois não conseguirá ter outro cozinheiro como ele. Lúcia afasta-se e Gonçalo conta a Salvador a conversa que acabou de ter com ela. O amigo também é de opinião que ele tem talento para outros voos, só precisa ter um pouco se sorte. Andreia telefona a Sofia e conta-lhe que Laura a procurou, oferecendo dinheiro para a calar. Sofia convida Andreia para ir a sua casa para conversarem melhor e pede-lhe que não dê resposta à proposta da rival. Andreia sorri, convicta de que está a conseguir manipular Sofia e Laura. Beatriz aconselha a irmã a cortar relações com Laura e a seguir em frente, lembrando que ela sempre achou que Andreia não é de confiança. Sofia garante que está disposta a pagar o que for preciso para parar Laura de uma vez por todas. Laura tem um ataque de fúria quando está sozinha na biblioteca e começa a rasgar todas as fotografias em que Francisco aparece, jurando eliminar de casa a imagem do marido. Ana conversa com Nuno e confessa que teve uma pequena esperança de que poderia voltar a andar e que por isso foi inevitavelmente duro ouvir o contrário dos médicos que a avaliaram. O irmão diz compreender a sua frustração e promete estar sempre a seu lado para a apoiar. Jacinto procura café na cozinha dos Aragão e Dulce aparece nesse instante levando consigo uns bolos. O encontro serve para que ambos conversem sobre a vida dos filhos. Dulce comenta com o jardineiro a relação conturbada de Isabel com Artur e o despedimento de Lurdes que não aceita ver o filho com uma mulher mais velha. Dulce confessa estar saturada do trabalho na fábrica e com o facto de Carlos estar sozinho depois do fiasco que foi a relação com Fátima. Jacinto incentiva-a a ir ver a família à terra e aproveitar o facto de o filho se ter oferecido para a levar. Fábio conta a Célia que quer criar uma empresa de eventos para criança mas ela mostra-se pouco confiante que ele tenha capacidade para cuidar dos filhos dos outros, reforçando que isso é muito diferente do que cuidar do próprio filho. Ele tenta provar o contrário e fazer um cão com um balão mas acaba por se descontrolar e rebentá-lo. Célia esforça-se para não dar uma sonora gargalhada. (conclusão)

——

Gonçalo conta em grande euforia a Manel que conseguiu um estágio de culinária em Nova Iorque. No entanto, a sua alegria transforma-se em apreensão, uma vez que vai ter de falar com Concha sobre o assunto, consciente de que os namoros à distância não costumam resultar. Manel incentiva o primo a resolver tudo o mais rapidamente possível, acreditando que os dois saberão tomar a melhor decisão. Concha analisa com Lé os projectos que lhes enviaram a solicitar o micro crédito e perante a aflição da mãe define que não vão aceitar mais ideias, vão sim analisar as que já têm em mãos. Fábio aparece entretanto e entrega a espécie de cão que dez com o balão e garante que o seu projecto é que elas vão aprovar, saindo em seguida da sala a gingar e cheio de confiança. Lé fica a olhar para o balão sem perceber nada, enquanto Concha fica muito apreensiva com o telefonema que recebe de Gonçalo, que diz com ar sério que precisa de falar com ela. Lé aconselha a filha a não sofrer por antecipação mas Concha está demasiado preocupada e vai refugiar-se no quarto. Fátima acaba o empadão do jantar e quando Lé entra na cozinha, finge-se doente e pede-lhe que finalize a refeição porque ela está com gripe e precisa de se deitar. A patroa acredita na mentira e diz que não há problema algum. Fátima, antes de sair para o quarto, pergunta pelo pai. Lé informa que Acácio já saiu para ir trabalhar no bowling e acrescenta que lhe esteve a ensinar a moldar o barro. Fátima estranha o interesse do pai, que nunca teve grande jeito com as mãos, mas readquire a sua pose de pessoa doente e vai para o quarto. Quando entra, dá com Mariano vestido de Ramon a ensaiar algumas frases para a seduzir. Fátima troca rapidamente de roupa e enverga o seu fato de Sevilhana, transformando-se em Juanita. Sem conseguir esperar mais tempo, Fátima e Mariano vestem a pele dos seus personagens e rebolam pela cama até caírem para o chão, ardendo de paixão. Laura reúne os filhos e comunica que decidiu tirar o corpo de Francisco do jazigo da família e sepulta-lo na terra. Margarida fica desorientada e implora à mãe que não faça isso. Apesar do apoio de Teresa para deixar tudo como está e de Salvador que acha que a mudança só vai trazer mais sofrimento, Laura mantém a sua decisão, apoiada por Simão. Margarida isola-se na biblioteca e Salvador vai reconfortá-la. Andreia vai ter com Sofia e aceita a proposta que ela lhe faz para que conte tudo o que sabe sobre Laura. No entanto, adverte de que tem primeiro de falar com a pessoa que é agora sua aliada, para saber quanto valem os segredos que guardam, incluindo a informação que tem de que Eduardo não está fugido. Sofia, cada vez mais deslumbrada por poder acabar com Laura diz-se disposta a pagar o que for preciso para o conseguir. Laura encontra-se com Morais num quarto de hotel e começa por preveni-lo da falsidade de Andreia que só vai estar com ele enquanto isso lhe for útil. Morais não se mostra impressionado e contrapõe que o facto de Andreia vender o corpo é muito menos grave do que matar um filho. Laura propõe-se assinar um cheque em branco para pagar o silêncio do detective e chega mesmo a deixá-lo em cima da mesa. Ele deixa claro que não quer dinheiro mas sim a ela e rasga o cheque depois de Laura ir embora. Salvador desabafa com Matilde por tudo o que lhe tem acontecido na vida e começa a pensar se Isabel não terá sido obrigada pelo pai a dá-lo para adopção, acreditando que Francisco a deve ter pressionado até à exaustão. Matilde acarinha o marido e garante que estará sempre a ao seu lado. Os dois beijam-se apaixonadamente. Gonçalo conta com grande entusiasmo que foi convidado para fazer um estágio em Nova Iorque. Ela começa a chorar, inconformada por perdê-lo. Gonçalo afirma que não têm de se separar e convida a namorada para ir com ele. Concha não está disposta a arriscar e diz que a sua vida está ali no palacete. Gonçalo fica desiludido com a reacção de Concha. Simão comenta com Nuno a decisão que Laura tomou de retirar os restos mortais de Francisco do jazigo de família, entendendo que é uma forma de castigar o pai. Nuno acha que se trata de uma escolha tétrica e Simão também acrescenta não compreender a reacção de Margarida que continua a defender o pai, mesmo depois de ele ter abusado dela. Horácio chega a casa vindo das compras e Jacinto mostra-lhe as bolsas que comprou para colocarem os seus pertences quando saem juntos. Horácio gosta da oferta do amigo mas já não acha tanta graça quando ele conta que também encomendou uns cremes para os rejuvenescer. Isabel e Artur tocam à porta e Jacinto diz a Horácio que os convidou para ver se animam. O filho e nora entram em casa e Jacinto diz que vai arranjar uns petiscos, incentivando o amigo a mostrar as bolsas. Artur e Isabel riem e concordam que os divórcios lhes fizeram muito bem. Horácio também ri, embora sem perceber se foi elogiado. Fábio vai mostrar a Célia mais um balão que modelou, dizendo que é um sapo. Ela não percebe a forma e apanha um susto quando o balão lhe rebenta no ouvido. Fábio nota que ela está em limpezas e percebe que algo a atormenta. Célia acaba por confessar que está aflita por Isabel lhe ter entregado os contratos dos trabalhadores para os redigir, receando que qualquer dia tenha que ir a tribunal defender a fábrica. Fábio mostra firmeza e diz-lhe que tem de enfrentar a patroa e impor a sua vontade. Célia está indecisa e confessa ter receio de ser despedida, tal como aconteceu a Lurdes. Lé aconselha Concha a aceitar o desafio de Gonçalo e a segui-lo até Nova Iorque. A filha mostra-se muito insegura, sem querer deixar a mãe sozinha no palacete. Lé reafirma que se fosse a ela não perderia a oportunidade. Rosa fica toda contente quando Beatriz lhe telefona a dizer que no dia seguinte vai levantar os bilhetes do cruzeiro que vai fazer com ela e com Adelino. Depois de desligar, Rosa e Adelino trocam carinhos e ele faz-lhe a vontade de aceitar almoçar fora no dia seguinte. A contrastar com a felicidade que ambos sentem, o assunto passa a ser Lurdes, cujo despedimento continua a perturbar Rosa. Sofia incentiva Beatriz a aproveitar o cruzeiro que vai fazer com Rosa e Adelino, para voltar a dar uma oportunidade ao amor. Beatriz mostra-se pouco receptiva, ainda marcada pelo fracasso da relação com Mariano. Sofia muda de assunto e lembra a conversa que teve com Andreia. Beatriz diz temer que ela volta a sentir uma sede desmesurada de vingança, mas Sofia afirma com o olhar no vazio que agra terá do seu lado Matilde e provavelmente Salvador. Gonçalo lamenta-se a Manel por Concha não ter querido aceitar ir com ele para os Estados Unidos e está dividido sem saber se recusa a oportunidade, ou vai sozinho para fazer o seu estágio. Manel vinca que ele não pode desperdiçar um convite único. Artur e Isabel despedem-se de Jacinto e Horácio, agradecidos pelo apoio que lhes estão a dar, ao contrário de Lurdes que se mantém contra a relação deles. Jacinto oferece-se para chamar a ex-mulher à razão mas Artur e Isabel acham que é melhor deixar as coisas como estão. Teresa aparece de surpresa em casa de Manel e diz que só apareceu para lhe dar um beijo. Ele aproveita para algo mais, já que Vasco já está deitado a dormir. Margarida tem um ataque de choro quando percebe que a mãe deitou fora todas as fotografias do pai. Margarida garante que nunca se esquecerá de Francisco e que ninguém o pode apagar da sua cabeça. Laura dispara que se pudesse era o que faria e Margarida sai disparada em pranto para o quarto. Laura fica destroçada com a reacção da filha. (conclusão)

——

Fátima acorda em sobressalto com o toque do despertador e Mariano também desperta, tão atrapalhado quanto ela, por também ter adormecido. Fátima diz que Juanita lhe contou que Ramon se portou muito bem na cama durante a noite e que quer repetir a sessão. Mariano mantém a farsa que ambos criaram e afiança que Ramon terá tempo disponível na sua agenda para um novo encontro. Carlos elogia a mãe por ter uma camisola nova quando ela entra na cozinha dos Aragão e aproveita para lhe pedir dinheiro emprestado para também se pôr bonito. Ela lembra-lhe que já lhe emprestou dinheiro nesse mês e diz que qualquer dia tem de assaltar um banco só para o satisfazer. Horácio agradece a Ana por ter ido vê-lo, poupando-lhe assim o encontro com Rosa e Adelino. A filha desabafa que regressou um pouco desiludida de França, pois alimentou e esperança de poder vir a fazer um tratamento para voltar a andar, o que infelizmente não foi possível. Horácio esforça-se por dar uma visão positiva e argumenta que ela tem outras coisas boas na vida. Ana confessa que agora está mais conformada e mostra-se decidida a apostar na canoagem, como outra forma de obter vitórias. Vasco conta a Manel que a mãe se zangou a sério quando percebeu que a avó lhe pôs na mochila comida que ele não pode consumir. O pai acha que Ana teve razão para isso, pois ele sabe que se prevaricar vai outra vez parar ao hospital. Gonçalo aparece com cara de sono e conta a Vasco que está de partida para o estrangeiro e o miúdo confessa que tem pena que ele vá embora. Manel lembra-lhe que tem de falar rapidamente com Lúcia para que encontre alguém que o substitua. O primo concorda e pergunta por sua vez se ele já falou com Ana sobre as aulas que vai dar à noite. Manel assume que a conversa não pode passar daquele dia, ao mesmo tempo que tem de atender uma chamada de Teresa a dizer que precisa de falar com ele, mas tranquilizando-o ao esclarecer que se trata de uma coisa boa. Margarida entrega um envelope à mãe e diz que decidiu acatar a sua decisão de banir da família toda e qualquer memória do pai. Laura vê que a filha lhe está a entregar fotografias de Francisco que tinha em seu poder. Margarida acrescenta que também não se opõe a que o corpo do pai saia do jazigo da família para a terra e Laura abraça-a, convencida de que ela está a começar a superar os traumas que o pai lhe causou. Teresa encontra a mãe e a irmã abraçadas e sorri de felicidade quando elas confirmam que fizeram as pazes. Matilde tenta convencer Salvador a tirar uns dias para descansarem mas ele responde que não quer ausentar-se numa altura em que Margarida está em baixo e a ser medicada. Matilde reconhece-lhe razão para as preocupações que tem e aconselha-o a procurar Isabel, pois no fundo, nunca chegou a dar-lhe uma oportunidade de se aproximar dele, como sua mãe verdadeira. Salvador promete pensar no assunto. Mariano e Fátima acusam algum constrangimento quando se encontram na cozinha, depois de mais uma vez terem dormido juntos encarnando os papeis de Juanita e Ramon. Concha chega de mau humor para o pequeno-almoço e conta que está assim porque não quer ir com Gonçalo quando ele for estagiar num restaurante de Nova Iorque. Os amigos combatem a sua ideia e consideram os dois que ela deve aproveitar a oportunidade. Concha continua indecisa e Célia aparece atormentada por ir para a fábrica. Na sala do palacete, Fábio mostra as suas habilidades com os balões mas Acácio não consegue perceber o que são os bonecos que ele tenta fazer. Também Fábio não consegue alcançar os moldes que Acácio está a fazer com o barro. Sofia arrisca perguntar a Ricardo se mais algum amigo o desafiou a jogar e ele responde sem problemas que isso não aconteceu, mas que até nem é o mais difícil de travar. O namorado confessa que a sua vontade é o mais complicado de controlar e Sofia sugere-lhe que consulte um psicólogo ou recorra aos Jogadores Anónimos. Ricardo afiança que a ajuda que ela lhe tem dado é suficiente e que prefere não complicar. Sofia concorda e sai para ir almoçar com Matilde. Teresa procura Manel na livraria e deixa-o radiante ao dizer que vai contar à mãe que namora com ele. No entanto, o casal acaba por não conseguir adivinhar a reacção de Laura, mas está pronto para a enfrentar. Ana conversa com Mariano sobre a adaptação dele ao ginásio e incentiva-o a não desistir. Já ele elogia a sua determinação para superar as dificuldades na canoagem. Quando Mariano sai para regressar à livraria, Manel liga a Ana e diz que precisa de lhe falar, esclarecendo para que ela não fique aflita, que está tudo bem com Vasco. Sofia fica em choque quando Matilde lhe conta que Francisco abusou de Margarida anos a fio sem que alguém desse conta do que se passava. Sofia diz-se enojada com o que acaba de ouvir e Matilde muda de assunto e confessa que ainda não contou a Salvador o que a mãe lhe fez e que deu uma semana a Laura para fazer isso. Sofia aconselha a filha a contar ela própria ao marido que a mãe dele pagou ao laboratório de análises para que lhe diagnosticassem um cancro. Matilde tem essa vontade mas continua insegura. Célia mostra-se muito nervosa ao falar com Benedita e esta afirma que não é preciso estar tão tensa, pois sabe muito bem tratar dos assuntos jurídicos da fábrica. Isabel surge com Artur vindos da primeira consulta de obstetrícia e corta a conversa dando conta de como está o bebé que ela espera. Artur mostra-se mais entusiasmado com a gravidez e com o facto de ser pai e Isabel fica contente com o seu comportamento. Acácio conta a Lé que decidiu fazer um serviço de barro a que vai chamar Vista Galhofeira. Ela fica perplexa, até porque os primeiros modelos são canecas de cerveja que não parecem servir para esse efeito. Ele promete oferecer-lhe o seu primeiro modelo e ela agradece, ajudando-o a aperfeiçoar uma peça. Isabel caminha pelo corredor da fábrica e dá de caras com Lurdes que justifica a sua presença por ter ido ao escritório buscar um documento que lhe exigiram no centro de emprego. Entre silêncios constrangedores, Lurdes diz saber que não é bem-vinda na fábrica e Isabel contrapõe que foi com Artur á primeira consulta para confirmar que está tudo bem com a gravidez. Lurdes saúda o facto de estar tudo bem com o bebé e ambas lamentam que o seu relacionamento tenha acabado em ruptura, mas sempre culpando-se mutuamente por isso. Célia fica muito impressionada quando Horácio conta a aflição de Simão e Nuno quando souberam que o pai biológico de Camila a tentou levar do colégio. Benedita ouve a conversa e também fica perturbada com a história, pedindo a Horácio que leve um beijo seu para os dois, pois chegaram a ser muito amigos.
Laura chama Simão e Teresa e comunica-lhes que decidiu registar os desenhos que foram feitos para a parceria entra a Mood e a Boheme. Os filhos opõem-se e Simão argumenta que Sofia também desenhou alguns modelos, não sendo justo que fique de fora. A mãe deixa claro que não lhes está a pedir opinião, mas apenas a informar do que vai fazer. Laura adopta de novo um comportamento guerreiro e diz que se as suas acções têm consequências, as de Sofia também. Depois de lancharem à beira-rio, Adelino e Rosa cruzam-se com Horácio e Jacinto que também passeiam por aqueles lados vestidos de forma exuberante. Adelino esforça-se por guardar o riso e os comentários, enquanto Rosa fica tão constrangida que faz tudo para se afastar do ex-marido e do amigo, o mais rápido que pode. Manel fica agradecido a Ana porque a ex-mulher o incentiva a aproveitar a oportunidade de poder voltar a dar aulas na universidade, dispondo-se a ficar com Vasco a dormir em sua casa, quando ele não puder tomar conta do filho. Manel também incentiva Ana a dedicar-se de corpo e alma à canoagem, dispondo-se a ajudá-la sempre e quando precisar dele. Adelino apoia Rosa quando regressam a casa, pois ela está muito afectada por ter visto o despropósito em que Horácio e Jacinto andam vestidos. Adelino é de opinião que cada pessoa reage de maneira diferente às separações e que teria sido pior se Horácio tivesse começado a beber. Rosa deixa-se abraçar mas continua perplexa com o que viu. Margarida vai à biblioteca e, sem que ninguém dê conta, esconde uma fotografia do pai dentro de um livro, murmurando que nunca o esquecerá. Teresa chega a casa e conta a Laura que começou a namorar com Manel. A mãe fica por momentos em estado de choque, enquanto Teresa argumenta que a relação que ela teve com ele ficou resolvida e que por isso não vê mal em ter agora com Manel uma relação, pois sempre foram muito próximos. Laura explode de indignação e ordena aos gritos a Teresa que se afaste dele, pois não é de confiança e andou metido primeiro com Sofia, depois consigo e finalmente com ela. Teresa parece render-se à vontade da mãe e diz que vai falar com Manel. Nesse momento Margarida aproxima-se e diz ter ficado com a sensação de que elas estavam a discutir. Laura adopta um comportamento cínico e afirma que estava apenas a conversar com Teresa. Esta desculpa-se para se retirar e diz que vai descansar. Lúcia está à beira de um ataque de nervos porque não sabe onde Matias se enfiou e porque ele não responde às suas chamadas. Violeta reafirma a Tomás que o irmão só lhe disse que ia ter com uns amigos. Quando ele finalmente entra no bar, Lúcia agarra-o pela mochila, prometendo um castigo prolongado e exigindo-lhe que se justifique. Ele tenta escapar-se para a cozinha mas Tomás barra-lhe o caminho e obriga-o a responder à mãe. Muito contrariado, Matias lá vai dizendo que estava mesmo ali ao lado com uns amigos e Lúcia prefere continuar a conversa em casa. Numa das mesas do bar, Carlos pede ajuda a Fábio para que deixe a porta do palacete aberta durante a noite, para que ele faça uma surpresa romântica a Fátima. Fábio recusa entrar no esquema num primeiro momento mas Carlos fala-lhe ao coração e consegue o auxílio do amigo, com o compromisso de nunca revelar que foi ele a ajudá-lo. (conclusão)

——

Bruno estranha encontrar Ana no ginásio quando pensava que ela já tinha ido para casa. A namorada conta que teve a fazer exercícios suplementares porque tenciona começar a ganhar as provas de canoagem em que vai participar. Sem se deter, convida Bruno para ir jantar com ela em casa mas ele prefere levá-la consigo para o seu apartamento, confessando que se habituou a dormirem juntos durante o tempo em que estiveram em Paris. Acácio queima-se a tirar a peça que coseu para Lé no forno do barro e Fátima apanha um susto porque por momentos pensa que ele o fez no micro-ondas. Quando Acácio confidencia que a peça que esconde com um pano é para oferecer a Lé, Fátima indigna-se e pergunta se ele está a tentar seduzi-la. O pai nega, com alguma atrapalhação, essa intenção. Lé expõe a Concha as ideias que tem para desenvolver os projectos que estão a analisar, mas percebe que ela está distraída. A filha confessa que não consegue deixar de pensar na conversa que teve com Gonçalo e Lé incentiva-a a acompanhar o namorado para os Estados Unidos. Concha continua indecisa, mas assume que vai falar com ele. Sofia fica desagradada com Ricardo que chega para jantar com ela e quando a beija cheira a vinho. Ele justifica que esteve a tomar um copo com um amigo que encontrou por acaso e diz que ela não pode estar sempre a controlá-lo. Sofia responde que não é essa a sua intenção e ele pede desculpa pela reacção extemporânea que teve, prometendo que não vai fazer qualquer disparate. Sofia abraça Ricardo. Jacinto conta a Horácio que Artur lhe assegurou que comer sushi é uma prática muito apreciada e desafia o amigo para irem experimentar. Ele responde logo que comer peixe cru nem pensar e lembra que Rosa já lhe tinha sugerido o mesmo. Jacinto comenta que o reencontro que ele teve com a mulher e o namorado foi do terceiro grau e afirma que quem ficou a perder foi ela, pois Horácio está muito melhor do que Adelino. Horácio afirma que o melhor que fazem é saírem todos os fins de tarde, nem que seja para fazerem uma caminhada. Jacinto insiste que o que têm de fazer é saírem para dançar. Nuno e Simão conversam sobre a necessidade de habituarem Camila aos livros para que adquira o gosto pela leitura. Simão recebe uma chamada de Benedita e hesita em atender, mas acaba por fazê-lo. Ela transmite a sua preocupação com Camila e lamenta que eles tenham suportado mais uma investida do pai biológico da menina. Simão agradece o cuidado e, depois de desligar o telefone, manifesta a sua estranheza pelo telefonema de Benedita. Nuno confessa que tem saudades dela e lembra que foi amiga próxima dos dois. Simão recorda, isso sim, que Benedita vendeu informações sobre a Boheme a Sofia e duvida que volte a confiar nela. Artur e Isabel avistam Benedita e sentam-se na sua mesa. A irmã pergunta se está tudo bem mas ela confessa que estava a falar com um amigo, duvidando que consiga voltar a reaproximar-se dele. Concha também entra no bar e fica constrangida por ver Artur com Isabel. Apesar disso, não tem complexos e vai falar-lhes felicitando-os pela gravidez. Depois segue para o balcão e pergunta a Gonçalo se está preparado para sair do bar. Ele mostra-se triste por ter de a deixar para trás mas Concha não finge mais e diz ter decidido que vai com ele para os Estados Unidos. Gonçalo não se contém e beija-a, aliviado, acusando-a de o fazer sofrer. Concha diverte-se com a situação. Acácio insiste com Lé e prepara-lhe um chá, dizendo que vá para a sala que já lho leva. Lé não tem outro remédio senão aceitar e vai para a sala à espera dele. Mariano entra na cozinha e confessa que está de rastos por causa do exercício físico. Fátima não tem piedade e manda-o para o quarto, lembrando-lhe o que Ramon prometeu a Juanita. Mariano percebe que vai ter de se mascarar e cumprir os desejos sexuais de Juanita. Fátima percebe que Acácio prepara o chá que vai levar a Lé e avisa-o para que se comporte como um cavalheiro. Ele afiança que não há outro como ele e leva com todo o carinho a chávena que fabricou. Lé espera por Acácio e vê que Matias está a esconder algo dentro de um pote. Quando ele se afasta, vai espreitar e descobre um maço de cigarros. Quando percebe que Acácio está a chegar esconde o maço no bolso e recebe a chávena com chá que ele lhe entrega. Lé vai bebendo, fazendo conversa de circunstância. Assim que dá o último gole, repara na surpresa que Acácio lhe preparou no interior da chávena, inspirada segundo ele na louça das Caldas. Lé sai indignada a dizer que vai ajudar Fátima. Salvador e Matilde namoram no sofá e ele confessa que já sentia saudades de estar assim com ela. Matilde conta que tenciona passar algumas horas na livraria, levando Clara consigo. Ele sugere que deixe a filha com Margarida e a sua mãe, que até pode estar em casa mas Matilde fica incomodada e recusa, argumentando que não vale a pena. Salvador também se sente desconfortável com a resposta da mulher. Margarida sobe ao quarto de Teresa para ver como é que ela se encontra, reafirmando a ideia de que a irmã discutiu com a mãe. Teresa confirma que contou a Laura que namora com Manel e que ela lhe ordenou que acabasse a relação com ele. Margarida incentiva a irmã a não fazer a vontade à mãe mas percebe que ela quer ficar sozinha. Entretanto, Teresa recebe uma chamada de Manel que lhe quer dar um beijo de boa noite e tem grande dificuldade para esconder a tristeza que sente. Depois de desligar o telefone, Teresa começa a chorar convulsivamente. Manel fica a olhar para o telemóvel, estranhando a disposição com que Teresa falou com ele. No entanto, tem de esquecer o assunto, pois Vasco está com insónias e obriga-o a ir deitá-lo. Manel explica-lhe que vai passar a dormir mais vezes em casa da mãe porque ele vai passar a dar aulas à noite. O filho fica contente e atira que ele vai tornar-se o professor mais considerado da universidade. Fábio facilita a entrada de Carlos no palacete e ele sobe ao quarto de Fátima. Quando está prestes a lá chegar, vê um homem que sai de lá e entra no quarto de Mariano. Furioso, Carlos entra no quarto de Fátima que está a esconder o seu fato de Sevilhana e disfarça a sua atrapalhação. Ele faz uma cena de ciumes, acusando-a de não ter perdido tempo mas Fátima recorda que já não estão juntos e que não tem satisfações a dar-lhe. Carlos vai então ao quarto de Mariano, que já está de pijama, não conseguindo perceber que foi ele quem esteve com Fátima no quarto dela. Por isso, pede-lhe ajuda para descobrir quem foi o intruso e Mariano, muito nervoso, afiança que pode confiar em si. Fábio esforça-se para que ninguém perceba que foi ele quem abriu a porta do palacete para deixar Carlos entrar. Sofia pergunta a Beatriz porque é que se levantou tão cedo e a irmã conta que esteve a falar pelo computador com Joana e reconhece que depois disso dormiu mal. Sofia recebe entretanto uma chamada de Matilde que se confessa tentada a contar a Salvador que Laura a fez acreditar que estava com cancro, só para se reaproximar. Sofia reforça que, na sua opinião, ela deve contar ao marido tudo o que se passou. Matilde diz à mãe que não se preocupe, mas fica apreensiva. À hora do pequeno-almoço, Laura faz questão de repetir a Teresa que quanto mais depressa se livrar de Manel melhor e que só lhe faz esta exigência para a proteger. Margarida interrompe a conversa e a mãe muda de assunto perguntando-lhe o que vai fazer durante o dia. Margarida dá conta de que vai treinar no picadeiro, iniciar o curso de joalharia e à consulta com o psicólogo. Laura graceja, dizendo que ela está com uma agenda muito preenchida e seguindo para a biblioteca para ir buscar alguns documentos de que precisa. Margarida constata então, a sós com a irmã, a tristeza em que Teresa está mergulhada. Carlos conta moedas como quem faz um passatempo e, perante a estranheza de Jacinto, confidencia que é o único dinheiro que tem até ao fim do mês. O jardineiro conta que chegou a ter meses terríveis e que chegou a vender cintos e bolsas na feira. Carlos dá um pulo e tem uma ideia para abrir um negócio na internet, desafiando Jacinto para ser seu sócio. Jacinto aceita, meio a medo, prevenindo que não tem muito dinheiro para investir. Mariano revela a Fátima ter medo de que Carlos os apanhe juntos mas ela afirma determinada que ele já não tem qualquer compromisso consigo e que por isso não tem de se sentir traído. Mariano insiste que talvez seja melhor afastarem-se, mas Fátima pergunta-lhe em castelhano se quer mesmo terminar tudo e ele perde a coragem. Matias fica alarmado quando vai ao pote onde escondeu o maço de tabaco e não o encontra. Lúcia surpreende-o a procurar algo e o filho desculpa-se dizendo que perdeu uma borracha. Ela repreende-o por andar a brincar com o material escolar e diz que tem de ir para a escola. Matias cumpre a ordem da mãe mas está muito nervoso. Manel conversa com Matilde e ela fica aliviada quando ele afirma que quando começar a dar as aulas na faculdade não vai deixar a livraria, pois vai poder conciliar as duas actividades. É que Matilde não tenciona deixar de tomar conta de Clara no imediato. Simão entra no gabinete da mãe e informa-a de que quando foi registar os modelos que iriam fazer parte da colecção conjunta da Boheme e da Mood, já Sofia os tinha registado. Laura exclama que parece que estava a prever que isso ia acontecer e diz que vai falar com Sofia. (conclusão)

——

Manel conversa com Matilde e ela fica aliviada quando ele afirma que quando começar a dar as aulas na faculdade não vai deixar a livraria, pois vai poder conciliar as duas actividades. É que Matilde não tenciona deixar de tomar conta de Clara no imediato. Simão entra no gabinete da mãe e informa-a de que quando foi registar os modelos que iriam fazer parte da colecção conjunta da Boheme e da Mood, já Sofia os tinha registado. Laura exclama que parece que estava a prever que isso ia acontecer e diz que vai falar com Sofia. Rosa vai à florista despedir-se de Nuno, antes de embarcar no cruzeiro que vai fazer com Adelino e Beatriz e conta ao filho que está preocupada com Horácio. O filho fica na expectativa e ela conta que se cruzou com o pai e ficou espantada com a sua forma de vestir. Nuno diverte-se e desvaloriza a apreensão da mãe, argumentando que o pai está a aprender a viver sem ela, acrescentando que é melhor vestir-se de forma diferente, do que andar a tomar anti-depressivos por causa do divórcio. Isabel sofre com os enjoos que a gravidez provoca e queixa-se a Benedita quando ela chega à fábrica. Horácio ajuda Dulce a arrumar um caixa e ela aproveita desabafar, dizendo que ainda não se habituou à ausência de Lurdes e que cada vez gosta menos da forma como Isabel lida com as pessoas na fábrica. Horácio também confessa estar desmotivado e que tem pensado na reforma. Ela responde, algo indignada, que ele ainda é muito novo para isso. Sofia procura Salvador e conta-lhe que se afastou novamente de Laura, porque ela mandou falsificar os exames médicos de Matilde, fazendo-a acreditar que ela poderia vir a ter cancro. Salvador não quer acreditar que a mãe tenha sido capaz de tamanha monstruosidade mas Sofia revela que ela confessou o seu acto com o argumento de que queria demonstrar que é de confiança, acrescentando que Matilde não lhe quis contar a verdade para o poupar a mais um conflito com a mãe. Laura está furiosa e prepara-se para ir confrontar Sofia por esta ter registado em seu nome todos os modelos que traduziriam a parceria entre a Boheme e a Mood. Simão oferece-se para acompanhar a mãe e lembra-lhe que deve ter calma, pois Sofia fez o que eles também queriam fazer. Laura não dá ouvidos ao filho e afirma que vai resolver o assunto à sua maneira. Entretanto, recebe um telefonema das autoridades que a informam de que já encontraram o seu carro, embora nada tenham descoberto sobre a identidade dos assaltantes. Horácio previne Lídia de que está a aproximar-se o momento de começar a dar formação aos novos funcionários. Ela reage com desconfiança, temendo que não lhe paguem o que ficou combinado. Célia intervém e atesta que Isabel não tem falhado os seus compromissos. Nesse momento, a patroa chega à zona das máquinas e, depois de inspeccionar o trabalho das gaspeadeiras, chama Horácio à parte para lhe dizer que tem de ir para casa descansar, pois os enjoos da gravidez ainda não lhe deram um minuto de tréguas. O encarregado tenta explicar que ainda têm muitas coisas importantes para resolver, mas Isabel diz que confia nele para tratar de tudo e vai embora. Horácio queria recusar a incumbência mas acaba por não conseguir dizer seja o que for. Gonçalo e Concha contam radiantes a Lúcia que vão juntos para os Estados Unidos. Ela fica feliz por ambos e quando convidada por Gonçalo para os visitar, lembra que ao todo são quatro e não cabem em qualquer lado. A tirada de Lúcia provoca a gargalhada geral. Laura ameaça Sofia com uma batalha judicial, caso ela não abdique de registar como seus, os modelos que produziram em conjunto para a parceria que tinham estabelecido. Sofia desvaloriza a ameaça e aproveita para espicaçar a rival ainda mais. Laura acaba por confessar que a Boheme precisa desesperadamente de lançar uma colecção de sucesso e vai embora furiosa por não ter conseguido intimidar Sofia. Salvador diz a Matilde que já sabe o que é que Laura lhe fez e que foi Sofia a contar-lhe porque é que desfez a parceria entre a Boheme e Mood. Salvador faz ver a Matilde que não lhe deveria ter escondido uma coisa tão grave e assume que ainda não teve coragem para falar com a mãe, garantindo que quando o fizer não será meigo. Rosa protesta com Adelino que está a ler descontraidamente o jornal, em vez de ajudar a fazer as malas para a viajem que vão fazer. Ela acaba por sorrir quando ele diz que preferia ir para a Madeira de carro. Inês procura Margarida na loja de cosmética na esperança de que ela a perdoe e voltem a ser amigas, mas ela recusa qualquer aproximação. Fátima repreende Acácio dizendo ao pai que esteve muito mal ao oferecer a Lé uma chávena de chá, inspirada na loiça das Caldas. Concha evita uma possível discussão ao contar que vai viver com Gonçalo para os Estados Unidos, levando aos comentários marotos de Fátima e Acácio. Teresa conta a Simão que a mãe lhe ordenou que terminasse a relação com Manel, mas o irmão incentiva-a a não acatar o desejo da mãe. Manel telefona a Teresa nesse momento e fica preocupado quando ela lhe pede para se encontrarem, pois tem urgência para conversar com ele. Salvador invade o gabinete de Laura e diz-lhe com dureza que já sabe que o que ela fez a Matilde para se reaproximar de Sofia. A mãe tenta manipulá-lo e justificar que não prejudicou a sua mulher e que só quis encontrar uma maneira de voltarem a dar-se todos bem. Salvador acaba por recordar a Laura que não é sua mãe e que a partir deste dia renunciará ao nome da família, deixando de lhe falar. Laura fica a chorar depois de Salvador sair do gabinete, batendo a porta com violência. Sofia faz ver a Matilde que não podia deixar de contar a Salvador como Laura a manipulou e a filha acaba por se confessar mais aliviada. Beatriz está de saída para o cruzeiro à Madeira e Adelino promete que vai fazer com que ela se divirta. Matilde incita a tia a tirar muitas fotografias e Sofia despede-se da irmã com carinho. Laura tenta falar com Salvador mas ele não a atende, fazendo com que ela atire com o telefone pelo ar, cheia de raiva. Nesse instante o telemóvel toca e Laura é obrigada a atender Andreia que lhe pergunta quanto é que ela está disposta a pagar para comprar o seu silêncio. A proposta agrada e Andreia promete telefonar de novo para combinarem um encontro. Ana e Bruno regressam ao ginásio e Andreia fica alerta por perceber que ele vai estar fora uns dias. Ana esclarece com maus modos que o namorado vai supervisionar a inauguração de outro ginásio no Algarve, mas assegura que ele volta. Andreia não perde a oportunidade de a provocar e Bruno aconselha Ana a ignorar Andreia. Margarida mostra as fotografias da escola de joalharia a Alice e a amiga gosta do que vê, comentando que se não tivesse os seus dias preenchidos, também ela se inscreveria. Com todas as cautelas, Alice fala da visita de Inês à loja de cosmética e fica mais tranquila quando Margarida assegura que dela quer é distancia. Simão leva Camila à florista e, quando a menina vai lavar as mãos, conta a Nuno que Frederico se pôs à porta do colégio a gritar que ele é que é o pai dela e que os dois homens com quem ela agora vive a raptaram. Simão acrescenta que Camila não se apercebeu de nada porque a educadora pôs os meninos todos a cantar, mas defende que deviam dar uma tareia a Frederico, para o afastar de vez das suas vidas. Nuno mostra-se contra a violência mas Simão não fica convencido. Teresa fica desconfortável quando Vasco faz pressão para que ela vá jantar com ele e com o pai a casa do tio Nuno. Manel manda o filho arranjar a mochila da escola para levar no dia seguinte e aproveita para perguntar a Teresa o que se passa. Os olhos da namorada enchem-se de lágrimas ao mesmo tempo que relata que a mãe fixou furiosa quando lhe contou que estão juntos. Manel constata que não seria de esperar outra reacção e Teresa pergunta-lhe com grande ansiedade o que é que vão fazer. Matilde tenta demover Salvador de cortar relações com a mãe mas ele mostra-se irredutível e diz que deu a Laura todas as oportunidades de mudar. Salvador afirma que a partir de agora, ela a filha e os irmãos são a sua família. Teresa conta a Margarida que cedeu à pressão de Laura e que acabou com Manel, confessando que ele reagiu mal e reconhecendo que tomou uma atitude infantil. As irmãs descem para o jantar e Teresa receia o momento em que Laura pergunte se ela já falou com Manel. No entanto, a mãe parece distante e limita-se a trocar algumas palavras sobre o dia de Margarida e sobre a visita que Inês lhe fez na loja de cosmética. Teresa e Margarida percebem que algo se passa com a mãe e que ela não está bem. (conclusão)

  • Like!
    0

Facebook Comments:


Novela Sol de Inverno: resumo dos próximos episódiosEstrelas Vip